Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista Revista Aedos?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

A revista Aedos é voltada à publicação de trabalhos acadêmicos na área de História (e/ou de outras áreas, desde que estabeleçam diálogo com a História), produzidos por pesquisadores/as graduados/as e pós-graduados/as na forma de artigos, resenhas de livros e entrevistas. Os textos devem ser inéditos em periódicos de qualquer espécie, bem como em capítulos de livros (publicados ou no prelo), e escritos em língua portuguesa ou espanhola. Os materiais para publicação deverão ser submetidos de modo anônimo através da página da revista, obedecendo rigorosamente às normas abaixo especificadas. Ressalta-se que os trabalhos que não se enquadrem nesses requisitos serão formalmente recusados. 

 

1. Artigos

Os artigos devem respeitar um limite de 15 a 25 páginas, formatados com margens de 2,5 cm e salvos em formato .doc ou .docx. Devem conter:

a) Título: centralizado, em negrito, com inicial maiúscula, fonte Times New Roman em tamanho 14. É necessária a produção de um título em inglês, localizado abaixo do título original, com inicial maiúscula, fonte Times New Roman em tamanho 12 e sem qualquer destaque (negrito ou itálico); 

b) Resumo: o resumo em português e o abstract, escrito em língua inglesa, devem possuir, no máximo, 10 linhas. Devem estar acompanhados de três palavras-chave e três keywords ou mots-clés. Fonte Times New Roman em tamanho 10, com espaçamento simples entre as linhas e alinhamento justificado;

c) Corpo do texto:

  • Fonte: Times New Roman em tamanho 12;
  • Espaçamento entre linhas: 1,5;
  • Espaçamento entre parágrafos: 0;
  • Alinhamento: justificado;
  • Recuo da primeira linha: 1,25 cm à margem esquerda;
  • Subtítulos: em negrito e justificado. As sessões devem estar em itálico e justificadas;
  • Expressões em língua estrangeira: itálico;
  • Referências no texto: padrão autor-data (ex.: BLOCH, 2015, p. 23);
  • Citações: trechos com até três linhas devem ser destacados entre aspas no corpo do texto. As citações que ultrapassarem esse limite devem ser destacadas com recuo à esquerda de 4 cm, justificadas, com espaçamento simples, fonte Times New Roman em tamanho 10, sem aspas e separadas por um espaço dos parágrafos superior e inferior. No caso de eventuais cortes nos trechos citados, devem ser usadas as reticências entre colchetes. Quando há a necessidade de introduzir determinados termos, as intervenções também devem aparecer entre colchetes;
  • Notas de rodapé: fonte Times New Roman em tamanho 10, com espaçamento simples e alinhamento justificado. Não devem ser utilizadas as “notas de fim”.

d) Os textos podem conter ilustrações, gráficos, tabelas e quadros, sendo indispensável as menções ao título e às fontes utilizadas no campo devido. Imagens (fotos ou figuras) devem ter resolução mínima de 300 dpi, em formato .jpg, .jpeg ou .png. Esses elementos devem ser inseridos no corpo do texto. Seu local deve ser indicado no texto e suas legendas devem constar no marco da figura e na parte inferior, com fonte Times New Roman em tamanho 10 e espaçamento simples;

e) As páginas não devem ser numeradas;

f) A bibliografia deve estar em fonte Times New Roman em tamanho 12, com espaçamento 1,5, alinhamento justificado e sem espaços entre os parágrafos. As referências devem seguir os seguintes modelos:

  • Livro

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas, sinais: morfologia e história. São Paulo: Companhia das Letras, 2002.

  • Capítulo de livro

PERROT, Michelle. On the Formation of the French Working Class. In: KATZNELSON, Ira; ZOLBERG, Aristide R. (Ed.). Working-Class Formation: Nineteenth-Century Patterns in Western Europe and the United States. Princeton: Princeton University Press, 1986. p. 71-111.

  • Dissertações e Teses

LIMA E SOUZA, Mônica. Entre margens: o retorno à África de libertos no Brasil, 1830-1870. Tese (Doutorado em História), Rio de Janeiro: Universidade Federal Fluminense, 2008.

  • Artigo de coletânea

MACHADO, Maria Helena Pereira Toledo. De rebeldes a fura-greves: as duas faces da experiência da liberdade dos quilombolas do Jabaquara na Santos pós-emancipação. In: CUNHA, Olívia Maria Gomes da; GOMES, Flávio dos Santos (Orgs.). Quase-cidadão: histórias e antropologias da pós-emancipação no Brasil. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2007. p. 241-282.

  • Artigo de periódico

TURIN, Rodrigo. Entre o passado disciplinar e os passados práticos: figurações do historiador na crise das humanidades. Tempo, v. 24, n. 2, p. 186-205, mai./ago. 2018. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/tem/v24n2/1980-542X-tem-24-02-186.pdf>. Acesso em: 14 mai. 2020.

  • Artigo publicado em anais eletrônicos

LUCCHESI, Anita. A história sem fio: questões para o historiador da Era Google. In: Encontro Regional de História da ANPUH-Rio, 15., 2012, Rio de Janeiro. Anais ... Rio de Janeiro: Universidade do Estado do Rio de Janeiro, 2012. p. 1-9. Disponível em: <http://www.encontro2012.rj.anpuh.org/resources/anais/15/1338518449_ARQUIVO_Ahistoriasemfio-AnpuhRJ-Textocompleto-AnitaLucchesi-31.05.12final.pdf>. Acesso em: 14 mai. 2020.

  • Artigos publicados em websites

BAUER, Caroline Silveira. Uma eleição em que a vitória foi das fake news. Dissenso.org, São Paulo, 17 out. 2018. Disponível em: <https://dissenso.org/uma-eleicao-em-que-vitoria-foi-das-fakes-news/>. Acesso em: 14 mai. 2020.

  • Artigo ou matéria publicado em jornal

NICOLAZZI, Fernando. A história da ditadura contada pelo Brasil Paralelo. Sul21, Porto Alegre, 23 mar. 2019. Disponível em: <https://www.sul21.com.br/opiniaopublica/2019/03/a-historia-da-ditadura-contada-pelo-brasil-paralelo-por-fernando-nicolazzi/>. Acesso em: 14 mai. 2020.

  • Documento iconográfico

BRISGAND, Gustave. Retrato de D. Maria Augusta. Fundação Casa de Rui Barbosa. 1922.

  • Documento sonoro

BETHLEM, Newton. Depoimento. Entrevistadores: Tania Maria Dias Fernandes, Anna Beatriz de Sá Almeida. Rio de Janeiro: Casa de Oswaldo Cruz. 5 fitas cassete (4h35min). Depoimento concedido ao Projeto Memória da Tuberculose. 18 jul. 1990.

  • Registro de imagem em movimento

THE CONSTANT… The constant gardener. Direção: Fernando Meirelles. United Kingdom: Focus Features, 2005. 129min.

  • Documento de arquivo

Com autoria: ARANHA, Luís de Freitas Vale. Carta a José Pinto. Arquivo Pedro Ernesto Batista, série Correspondência; PEB c 1935.01.15 (Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil, Rio de Janeiro). 15 jan. 1935.

Sem autoria: TERMO... Termo de obrigação que fazem Manuel Francisco Villar e Antonio Freire de Ocanha. Códice 296, f.108 (Arquivo Histórico Ultramarino, Lisboa). 2 mar. 1696.

  • Documento jurídico

BRASIL. Lei nº 9.140, de 4 de dezembro de 1995. Reconhece como mortas pessoas desaparecidas em razão de participação ou acusação de participação em atividades políticas, no período de 2 de setembro de 1961 a 15 de agosto de 1979, e dá outras providências. Diário Oficial da República Federativa do Brasil, Brasília, 4 dez. 1994. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L9140.htm>. Acesso em: 22 set. 2018.

g) Não deve ser colocado nenhum dado relativo à autoria no documento (nome, titulação e e-mail). Essas informações constam no Cadastro no Sistema da Revista e serão acrescentadas ao corpo do texto após a sua devida aprovação. Ressalta-se, portanto, a importância de preencher corretamente o cadastro.

Para documentos não contemplados nestes exemplos, devem ser seguidas as normas da ABNT.

 

2. Entrevistas

A publicação de entrevistas deve ser composta por uma apresentação de 3 a 6 páginas e pela entrevista, a qual não deve exceder o limite de 70 páginas. Devem ser observadas as seguintes normas:

a) A identificação do entrevistador e do entrevistado deve estar em fonte Times New Roman em tamanho 12, com inicial maiúscula, em negrito e seguida de dois pontos;

b) Cortes feitos pelo autor da publicação na entrevista devem ser identificados pelas reticências entre colchetes. Divagações ou interrupções ocorridas durante a entrevista devem ser identificadas apenas pelas reticências. 

As demais padronizações gráficas devem seguir as mesmas normas expostas para os artigos.

 

3. Resenhas 

A publicação de resenhas está sujeita às seguintes normas:

a) Devem respeitar o limite de 6 a 10 páginas;

b) Serão aceitos para publicação resumos críticos de livros na área de História ou disciplinas afins, com edições ou reedições publicadas há, no máximo, cinco anos.

As demais padronizações gráficas devem seguir as mesmas normas expostas para os artigos.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista (caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao Editor").
  2. Os arquivos para submissão estão em formato .doc.docx ou .rtf (desde que não ultrapassem 2MB).
  3. URLs para as referências foram informadas quando necessário.
  4. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, em "Sobre a revista".
  5. A identificação de autoria do trabalho foi removida do arquivo, garantindo o critério de sigilo da revista, caso submetido para avaliação por pares, conforme instruções disponíveis em Assegurando a Avaliação Cega por Pares.
 

Declaração de Direito Autoral

Todo o conteúdo do periódico, exceto nos locais em que está identificado, é licenciado sob uma Licença Creative Commons de atribuição BY.

Os direitos autorais dos trabalhos publicados na revista pertencem ao(s) autor(es). Não haverá qualquer pagamento pela publicação nas versões online da revista Aedos. As opiniões emitidas no trabalho, bem como a revisão de língua portuguesa, inglesa ou francesa e estilo de redação, são de responsabilidade exclusiva do(s) autor(es). Os trabalhos que não contemplarem as normas editoriais não serão avaliados para publicação nem devolvidos aos autores. A remessa de originais implica na aceitação destas condições.

 

Política de Privacidade

Todo o conteúdo do periódico, exceto nos locais em que está identificado, é licenciado sob uma Licença Creative Commons de atribuição BY.

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.