Protagonismo feminino na sociedade brasileira: o ativismo comunitário das mulheres judias após a II Guerra Mundial (1945-1950)

Helen Rocha Rotta

Resumo


Este artigo tem por objetivo analisar, por meio da revista Corrente – periódico de circulação na comunidade judaica –, o protagonismo da mulher judia no Brasil, a partir da cidade de Porto Alegre, no período pós Segunda Guerra Mundial. A discussão do periódico é de suma importância para refletir a presença da mulher judia na sociedade brasileira, bem como sua atuação nos espaços públicos. Aparentemente, as experiências vivenciadas pelas mulheres judias no mundo do trabalho e em ações de filantropia, educação e caridade possibilitaram uma abertura para a presença da mulher no espaço público, tido essencialmente como lugar de circulação do homem.

 

Women's protagonism in Brazilian society: community activism of Jewish women after World War II (1945-1950) - Abstract: This article aims to assess, through the Corrente magazine – a Jewish community periodic – the role of Jewish women in the Brazilian city of Porto Alegre, specifically at the post-World War II period. The magazine's discussion has shown to be of the utmost importance for the analysis of Jewish women’s presence in Brazilian society and its role in public spaces. Apparently, the experiences of Jewish women through philanthropy, education and charity allowed an opening to women's presence in the public space, on a time where this space was restricted to men.


Texto completo:

PDF