Como um romance judaico se torna um romance americano: o caso de "Herzog"

Thais Kuperman Lancman

Resumo


Este artigo busca apresentar aspectos judaicos do romance Herzog, de Saul Bellow, passando por referências históricas e culturais e chegando ao que seria uma maneira judaica de interpretar a realidade. Dessa forma, há um esforço em situar a obra no contexto da literatura judaica, levando em consideração as dificuldades de conceituar este subgênero, bem como em entender as características fundamentais de um romance que se tornou uma das grandes obras da literatura norte-americana no século XX, ultrapassando o que seria uma literatura de imigrante.

 

How a Jewish novel becomes an American novel: the Herzog case - Abstract: This article aims to present Jewish aspects of Saul Bellow's novel Herzog, from historical and cultural references to what would be a Jewish way of interpreting reality. Thus, there is an effort to situate the work in the realm of Jewish literature, considering the difficulties of conceptualizing such subgenre as well as understanding the fundamental characteristics of a novel that has become one of the great works of American literature in the twentieth century, surpassing what would be an immigrant literature.


Texto completo:

PDF