Interações Judaico-Cristãs e Cultura Literária Polêmica no Mediterrâneo Tardo-Antigo

Renata Rozental Sancovsky

Resumo


Propõe-se analisar algumas das principais construções teológicas do gênero literário patrístico Adversus Iudaeos, notadamente produzidas entre os séculos IV e VII, em suas consonâncias e digressões com um vasto universo de cultura material. Se, por um lado, tal universo corresponde às redes sociais de produção econtrole eclesiásticos e sinagogais, por outro, deles se afastam. Denotando intensa inventividade de seus construtores, suas naturezas arquitetônicas, epigráficas e materiais devem ser apontadas não apenas como expressões objetivas ou confirmações dos discursos reservados aos “desviantes”. Constituem-se, fundamentalmente, em rol de atitudes, táticas e estratégias utilizadas pelos sujeitos históricos envolvidos nos conflitos.

 

Jewish-Christian interactions and polemical literary culture in the late antiquity Mediterranean - Abstract: We propose to study some of the major theological constructions of the Adversus Iudaeos literary genre produced between the 4th and the 7th centuries, taking into account their conformities and divergences within the vast universe of material culture. If, on the one hand, such a universe corresponds to the social networks of production and ecclesiastical and synagogal control, on the other, it diverges from them. Expressing the intense creativity of their authors, the architectural, epigraphical and material aspects of these works should be pointed out not only as objective expressions or confirmations of the discourses aimed to refer to ‘deviant’ groups, but also (and fundamentally) as an array of attitudes and strategies employed by those who are especially involved in Jewish-Christian relationships and conflicts.


Texto completo:

PDF