The trajectory of quilombola students in higher education / A trajetória acadêmica, em números, do quilombola no ensino superior

Daniel Cardoso Alves

Resumo


The article summarized here presents the results of qualitative research conducted in 2019 on quilombola students accepted to the State University of Southwestern Bahia (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia – UESB) under a system of supplementary quotas.

 

 


Palavras-chave


Políticas de ações afirmativas. Ensino superior. Quilombola. Identidade.

Texto completo:

XML (English) PDF (English)

Referências


ARRUTI, José M. Mocambo: antropologia e história no processo de formação quilombola. Bauru: Edusc, 2006.

AZEREDO, Celia M. M. de. Onda negra, medo branco: o negro no imaginário das elites – século XIX. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari K. Investigação qualitativa em educação. Tradução Maria João Alvarez, Sara Bahia dos Santos e Telmo Mourinho Baptista. Porto: Porto Editora, 1994.

BOURDIEU, Pierre. Escritos de educação. Petrópolis: Vozes, 1998.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação - PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União, 16 jun. Brasília, DF: Presidência da República, 2014. Available at: .

CASTELLS, Manuel. A era da informação: economia, sociedade e cultura. Vol. 2 - O Poder da Identidade. São Paulo, Ed. Paz e Terra, 1999.

GOMES, Flávio dos Santos. História de quilombolas: mocambos e comunidades de senzalas no Rio de Janeiro, século XIX. Rio de Janeiro: Companhia das Letras, 2006.

LEITE, J. R. M. Os quilombos no Brasil: questões conceituais e normativas, Textos e Debates, v. 7, p. 1-38, 2000.

LITTLE, Paul E. Territórios sociais e povos tradicionais no Brasil: por uma antropologia da territorialidade. Série Antropologia. n. 322. Brasília: DAN/UnB. 2002.

MOURA, Clóvis. Quilombos: resistência ao escravismo. São Paulo: Ática, 1987.

O’DWYER, Eliane C. Quilombos: identidade étnica e territorialidade. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2002.




DOI: https://doi.org/10.1590/15174522-98062

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.