A quem pertence o estudo da democracia? Sociologia, ciência política e a promessa da interdisciplinaridade na Sociologia política desde 1945

Joshua Dubrow, Marta Kolczyńska

Resumo


Interdisciplinaridade é a integração entre duas ou mais disciplinas que produz
conhecimento emergente, original, interessante e útil. A interdisciplinaridade
é mais promissora quando a relação entre as disciplinas integradas é forte e simétrica. A sociologia política já foi considerada uma ponte natural entre as disciplinas de sociologia e ciência política. Contudo, em diversas medidas bibliométricas da base de citações da Web of Science entre 1945 e 2013, observa-se que os vínculos entre sociologia e ciência política são cada vez mais fracos exatamente nas áreas centrais da sociologia política: democracia, participação política, sociedade civil e movimentos políticos. A partir da década de 1970, a ciência política apropriou-se do estudo da democracia e também de alguns dos temas centrais da sociologia política. A sociologia política se tornou um exemplo de como uma grande promessa de interdisciplinaridade pode malograr. Neste artigo, o demonstramos empiricamente e abordamos as razões desse malogro.


Palavras-chave


Sociologia Política. Interdisciplinaridade. Democracia. Popularidade e propriedade na ciência.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.