Vidas móveis

João Freitas

Resumo


         O sociólogo britânico John Urry dedicou sua vida acadêmica à reflexão de como os constantes avanços tecnológicos – nos transportes e na comunicação,
principalmente – têm transformado a sociedade. Em 2010, com a colaboração de Anthony Elliott, Urry lança o livro Mobile Lives, no qual objetiva analisar sociologicamente como os já referidos avanços influenciam as múltiplas e novas maneiras que as identidades são constituídas e organizadas, através de vários espaços e no decorrer do tempo. Esse texto tem como objetivo destacar os principais pontos do referido livro, cotejando-o com as obras anteriores de Urry por considerar que constituem o mesmo esforço de consolidar o chamado paradigma das mobilidades.


Palavras-chave


Mobilidades. John Urry. Identidade.

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.