O Leviatã eletrônico: a trama política que colocou o Estado na internet

Rafael H. Moraes Pereira

Resumo


As atividades humanas se estão tornando cada vez mais dependentes dainternet e, portanto, susceptíveis às suas vulnerabilidades. Entre 1998 e 2002, ogoverno brasileiro discutiu e implantou a Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira(ICP–Brasil). O objetivo era minimizar a insegurança ao fazer com que acertificação digital, que identifica e autentica pela internet, pudesse operar sobreuma estrutura de criptografia e segurança digital oficial do Estado, com validadejurídica. O livro “O Leviatã Eletrônico: a trama política que colocou o Estado nainternet”, de Marcello Barra, discute a relação entre Política, Tecnologia e SegurançaDigital, ao analisar o processo de criação dessa infraestrutura no Brasil.Com o objetivo de identificar as condições sociais que possibilitaram a efetivaconstrução da ICP–Brasil, Barra reconstrói os embates técnicos e políticos queprecederam esse processo, sem perder de vista a diversidade do conjunto de atoresque participaram desse processo. Publicado em 2009, o livro articula a teoriasociológica de diversos autores (como Weber, Elias, Latour, Rosanvallon, Castells,Habermas) para discutir surgimento de uma nova manifestação do Estado (o EstadoEletrônico) e suas implicações no debate acerca da transparência do setorpúblico, da autoridade do Estado e da Segurança Nacional.

Palavras-chave


Estado eletrônico; Governo eletrônico; Internet; Estado; ICP-Brasil;

Texto completo:

PDF


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.