Editorial

Jalcione Almeida

Resumo


Sociologias apresenta neste número aos seus leitores o tema da religião em uma análise sociológica singular, baseada no conceito de religião vivida (lived religion) (Ammerman, 2007; 2014; entre outros). O conjunto de artigos que compõe o dossiê, segundo seus organizadores Verónica Roldán e Rolando Pérez, destaca resultados de pesquisas realizadas em três cidades latino-americanas (Córdoba, Lima e Montevidéu) e em uma cidade do sul da Europa (Bilbao), colocando em evidência, do ponto de vista sociológico, a experiência religiosa, a vida cotidiana e os processos de autonomia e desinstitucionalização da vivência religiosa. As reflexões contidas nos artigos giram em torno das implicações da religiosidade vivida no protestantismo contemporâneo, reflexões que permitem olhar as interações, as narrativas e as práticas dos crentes vinculados ao protestantismo evangélico urbano em diálogo com os temas e dinâmicas da modernidade.

Palavras-chave


Sociologias, sociologia da religião, protestantismo vivido

Texto completo:

PDF

Referências


AMMERMAN, Nancy T. Everyday religion. Observing modern religious lives. New York: Oxford University Press, 2007.

AMMERMAN, Nancy T. Sacred stories, spiritual tribes. Finding religion in everyday life. New York: Oxford University Press, 2014.

AUGUSTIN, Roberta L.; CALGARO, Cleide; OLIVEIRA, Sandra M. de. Uma reflexão sobre a religião como objeto de estudo nas ciências sociais no Brasil. In: II Encontro Internacional de Ciências Sociais: as ciências sociais e os desafios para o século XXI. Anais... Pelotas, 2010. Disponível em: https://ambitojuridico.com.br/edicoes/revista-80/uma-reflexao-sobre-a-religiao-como-objeto-de-estudo-nas-ciencias-sociais-no-brasil/

COSTA, Waldney de S. R. Religião na perspectiva sociológica clássica: considerações sobre Durkheim, Marx e Weber. Sacrilegens, v. 14, n. 2, p. 03-24, jul.-dez, 2017.

MORELLO, Gustavo. Lived religion in Latin America and Europe: Roman Catholics and their practices. Quaderni del Csal 4, v. 9, n. 17, núm. esp., p. 13-23, 2017.

PANOTTO, Nicolás. Los evangélicos y lo político: análisis histórico y nuevos acercamientos. Praxis Evangélica, n. 20, p. 105-¬119, 2012.

PÉREZ, Rolando. Las apropiaciones religiosas de lo público: el caso de los evangélicos en el Perú. In: ROMERO, Catalina (Ed.). Diversidad religiosa en el Perú. Miradas múltiples. Lima: Fondo Editorial de la PUCP/CEP, 2016.

ROLDÁN, Verónica; PÉREZ, Rolando. El protestantismo vivido: un estudio comparativo desde América Latina y el sur de Europa. Sociologias, v. 22, n. 53, p. 20-35, 2020. http://dx.doi.org/10.1590/15174522-99908

WYNARCZYK, Hilario. Sal y luz a las naciones. Evangélicos y política en la Argentina (1980-2001). Buenos Aires: Instituto Di Tella; Siglo XXI Iberoamericana, 2010.




DOI: https://doi.org/10.1590/15174522-101233

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.