A variação no emprego da terminologia anatômica no âmbito da educação física: um estudo exploratório

Márcia dos Santos Dornelles

Resumo


A variação é um fenômeno inerente a toda língua natural, portanto ela afeta as terminologias, como parte desse sistema. A Terminologia Anatômica Internacional (TAI) foi traduzida para o português pela Sociedade Brasileira de Anatomia em 2001 e tem valor de norma. No entanto, ela não é seguida estritamente por todos os profissionais da área da Saúde. O objetivo deste estudo foi descrever e analisar os diferentes usos da terminologia anatômica em artigos científicos de Educação Física comparados com a TAI. Para tanto, foram analisados oito artigos em português de três revistas brasileiras desta área, e foram listados os termos anatômicos invariantes e os variantes. Adicionalmente, verificou-se no Google Acadêmico a frequência dos termos variantes e dos seus equivalentes na TAI. Como fundamentação teórica, apoiamo-nos nas contribuições da Socioterminologia e da Teoria Comunicativa da Terminologia para o enfoque da variação terminológica.

Palavras-chave


Terminologia; Variação terminológica; Terminologia Anatômica; Educação física

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Debate Terminológico
http://seer.ufrgs.br/riterm/