A Ecocrítica e a Educação Ambiental no Ensino de História: uma proposta de análise a partir da revista Globo Rural

Denis Henrique Fiuza

Resumo


O presente artigo é uma reflexão sobre a utilização da Ecocrítica na análise de fontes impressas sobre preservação ambiental nas aulas de história. O objetivo é refletir sobre o Ensino de História como uma ferramenta para a conscientização sobre a defesa do meio ambiente, desenvolvendo nos estudantes a capacidade de compreender e analisar as ideias ecológicas presentes em seu cotidiano a partir das reflexões da ecocrítica. Além disso, abordamos a utilização de fontes impressas (jornais, revistas), como instrumentos de construção do conhecimento histórico e da consciência ambiental. A partir da revista Globo Rural apontamos uma análise crítica de seu conteúdo, destacando pressupostos da história ambiental e da ecocrítica.

Palavras-chave


Ensino de história; Preservação ambiental; Impressos; Ecocrítica.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Lhiste – Laboratório de Ensino de História e Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Porto Alegre

ISSN 2359-5973