Avós em experiências: a memória cotidiana, o espaço da sala de aula e o fazer pedagógico no ensino de História

Izabel Cristina Durli Menin, Eliana Rela

Resumo


Este estudo trata-se de uma experimentação do Ensino da História Local com a produção de fontes, onde se faz uso do blog, uma mídia de comunicação, para o registro escrito das memórias individuais e coletivas presentes no espaço escolar e na comunidade. As escolas caracterizam-se como espaços privilegiados de construção de identidade e memória coletiva. Assim, o objetivo é relatar as experiências obtidas, junto aos avós, por meio de um projeto desenvolvido com as alunas do 2º e 3º Ano do Curso Normal, do Colégio Regina Coeli de Veranópolis.  A escolha de um meio digital para o registro dos relatos orais se justifica pelo fato de existir a necessidade de inserir ferramentas tecnológicas nas atividades relacionadas ao Ensino de História e demonstrar o potencial que possuem as fontes produzidas no âmbito privado como fotografias, cartas, objetos pessoais de valor material e imaterial. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista do Lhiste – Laboratório de Ensino de História e Educação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Porto Alegre

ISSN 2359-5973