Transformando experiência em conhecimento durante oficinas para uso de programas computacionais no contexto escolar

Autores

  • Maria Lucia Flores Unipampa e PGIE/UFRGS
  • Ângela Maria Hartmann Universidade Federal do Pampa
  • Daniel da Silva Silveira Universidade Federal do Pampa
  • Guilherme Casa Nova Universidade Federal do Pampa
  • Rafhael Brum Werlang Universidade Federal do Pampa
  • André Martins Alvarenga Universidade Federal do Pampa
  • Márcio Martins UFRGS
  • Karine Halmenschlager Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-1916.36465

Palavras-chave:

Formação continuada. Aprendizagem colaborativa. Programas computacionais.

Resumo

Este artigo relata a experiência de um curso de formação continuada realizada por professores do campus Caçapava do Sul, da Universidade Federal do Pampa, com professores de escolas estaduais sobre o uso de programas computacionais no contexto escolar. A formação, baseada nos princípios da aprendizagem colaborativa, teve por objetivo (re)significar o conhecimento dos professores da Educação Básica a respeito da utilização de programas computacionais, refletindo sobre as possibilidades de seu uso para potencializar o processo de ensino e aprendizagem. Foram explorados seis programas computacionais, cada um configurando uma oficina de três horas de duração. Ao mesmo tempo em que exploraram o uso de programas computacionais, os professores da Educação Básica indicaram aos docentes do curso de Licenciatura em Ciências Exatas como elas podem ser utilizadas em sala de aula. Desse modo, os professores envolvidos aprenderam pela transformação da experiência em conhecimento ao interagir com a tecnologia computacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-12-30

Como Citar

FLORES, M. L.; HARTMANN, Ângela M.; SILVEIRA, D. da S.; NOVA, G. C.; WERLANG, R. B.; ALVARENGA, A. M.; MARTINS, M.; HALMENSCHLAGER, K. Transformando experiência em conhecimento durante oficinas para uso de programas computacionais no contexto escolar. RENOTE, Porto Alegre, v. 10, n. 3, 2012. DOI: 10.22456/1679-1916.36465. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/renote/article/view/36465. Acesso em: 6 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos