O Sistema de Tutoria no CLMD

Thaís Neuenfeld Philipsen, Reginaldo Fabiano da Silva Afonso, Gertrudes Aparecida Dandolini, João Artur Souza, Inês Farias Ferreira

Resumo


Este artigo tem por objetivo descrever a experiência do primeiro ano de execução do curso de Licenciatura em Matemática a Distância (CLMD) da UFPel quanto ao funcionamento da tutoria. O CLMD oferece aos seus 120 alunos nas cidades pólos de Turuçu, Canguçu e Jaguarão um sistema de tutoria. A tutoria é realizada pelos tutores da sede e tutores do pólo através de diversos meios de comunicação. Além da função pedagógica, os tutores da sede são responsáveis por acompanhar o aluno em sua aprendizagem, motivando-o e orientando-o a seguir em frente e superar os desafios encontrados no decorrer do curso. Por outro lado, o tutor do pólo é o professor mais próximo do aluno, seu papel é de fundamental importância no decorrer do curso. Este
deve, além de motivar o aluno, acompanhar de perto seu desempenho.

Palavras-chave


Tutoria, Tecnologias, Ensino a distância, Matemática

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.14299

Direitos autorais



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br