A Filosofia de Software Livre no Processo de Criação de Softwares Didáticos: uma faceta do projeto de emersão tecnológica de professores

Adriano Canabarro Teixeira, Sérgio Roberto Kieling Franco

Resumo


Um dos aspectos potencializados na sociedade contemporânea pelo
advento das Tecnologias de Informação e Comunicação, são as possibilidades
de experiências de autoria baseadas na colaboração. Neste sentido, é urgente
que se assuma a lógica das redes como ponto fundamental neste processo e
como base para a criação de uma cultura equivalente, elemento fundamental
para o exercício da cidadania. Assim, este artigo tem por objetivo apresentar
algumas das aproximações existentes entre o processo de criação de
softwares didáticos proposto no projeto de Emersão Tecnológica de
Professores da Universidade de Passo Fundo e a filosofia do Software Livre,
fenômeno social que é uma manifestação clara de uma cultura baseada na
lógica das redes.

Palavras-chave


Inclusão digital, Filosofia do software livre, formação docente, software educacional

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.13868

Direitos autorais



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br