Desenvolvimento de Jogos Educacionais Digitais: um Relato de Experiência com o Framework PlayEduc

Samanta Ferreira Aires, Charles Andryê Galvão Madeira

Resumo


Os jogos educacionais digitais vêm ganhando espaço como alternativa para
auxiliar no processo de ensino e aprendizagem, mas a qualidade deles depende tanto da forma em que são concebidos quanto da forma em que são aplicados. Por isso, diversas ferramentas têm sido desenvolvidas para permitir avaliar a qualidade dos mesmos em vários aspectos. No entanto, ainda são poucas as ferramentas existentes direcionadas à etapa de concepção, de modo que os jogos venham a ser desenvolvidos da forma mais adequada. Este artigo relata um exemplo de aplicação do framework PlayEduc ao longo do processo de desenvolvimento de um jogo educacional digital por uma equipe multidisciplinar. O objetivo desta aplicação foi avaliar o quanto os princípios do PlayEduc auxiliam à equipe envolvida. Os resultados obtidos são bastante promissores.


Palavras-chave


Jogos Educacionais Digitais; Processo de Desenvolvimento de Jogos; Framework PlayEduc.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1679-1916.105959

Direitos autorais 2020 RENOTE



RENOTE - Revista Novas Tecnologias na Educação      ISSN 1679-1916

A RENOTE, possui a nota Qualis B1 (Ensino) e B1 (Interdisciplinar) no Sistema de Avaliação da CAPES.

Centro Interdisciplinar de Novas Tecnologias na Educação (CINTED) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Avenida Paulo Gama, 110 - Anexo III – 3o andar
Porto Alegre, RS, Brasil – CEP: 90040-060

Telefone: (51) 3308-4100
E-mail: renote@cinted.ufrgs.br