Sistema de recomendação baseado no modelo de reconhecimento de atividades HARA

Gabriel Di iorio Silva, Victor Stroele, Mario Dantas

Resumo


Formas de se monitorar continuamente a saúde humana vem se tornando populares, principalmente devido ao alargamento de nossa pirâmide etária. Nesse cenário ambientes assistidos surgem como uma tecnologia para atender às necessidades desse público alvo. Técnicas que detectam as atividades realizadas por um indivíduo se mostram promissoras para esse problema uma uma vez que ao se identificar as ações podemos perceber anomalias na rotina de um usuário que podem sinalizar estágios iniciais de uma doença. Sistemas de recomendação surgem como uma maneira de agregar funcionalidades à ambientes assistidos com o intuito de realizar recomendações para o usuário final ou o especialista médico de acordo com a gravidade notada da anomalia. Estudos iniciais mostram que a proposta de mesclar sistemas de recomendação com ambientes assistidos é viável e diferencial dado que essa junção é pouco explorada


Palavras-chave


Sistema de recomendação; Ambientes assistidos; Computação Ubíqua

Texto completo:

PDF


A REIC mudou de endereço! Para acessar as edições publicadas e/ou submeter seu artigo, acesse https://sol.sbc.org.br/journals/index.php/reic.