Fabricar a inovação na Educação Superior: estratégias para a Educação a Distância em Portugal

Domingos Caeiro, José António Moreira

Resumo


Resumo: A aprendizagem aberta e em rede emerge como um dos grandes desafios educativos do presente século. No entanto, este desafio exige pensamento e estratégias orientados não só para a sustentabilidade das instituições que a promovem e para a qualidade da sua oferta educativa, como também para a definição de políticas que, sensíveis às profundas assimetrias sociais e educativas existentes, integrem a Educação a Distância (EaD) no quadro de uma pedagogia pública, de uma democracia participativa. Assim, o presente artigo contém algumas ideias basilares para a promoção de um debate sobre a EaD na Educação Superior, analisando possíveis estratégias e medidas que urge definir para este subsistema educativo.

Palavras-chave: Educação a Distância; Ensino Superior; inovação; sociedade digital.

 

Abstract: Open and networked learning emerges as one of the great educational challenges of the present century. However, this challenge demands some thought and strategies geared not only to the sustainability of the institutions that promote it and to the quality of its educational offer, but also to the definition of policies that, sensitive to deep social and educational asymmetries, integrate Distance Learning (DL) within the framework of a public pedagogy and a participatory democracy. Therefore, the present article contains some important ideas for the promotion of a debate on DL in Higher Education, analyzing possible strategies and concrete measures that need to be defined for this educational subsystem.

Keywords: distance learning; higher education; innovation; digital society.

 

Resumen: El aprendizaje abierto y en red emerge como uno de los grandes desafíos educativos del presente siglo. Sin embargo, este desafío exige pensamiento y estrategias orientadas no solo a la sostenibilidad de las instituciones que lo promueven y a la calidad de su oferta educativa, sino también a la definición de políticas que, sensibles a las profundas asimetrías sociales y educativas existentes, integran la Educación a distancia (EaD) en el marco de una pedagogía pública, de una democracia participativa. Así, el presente artículo contiene algunas ideas fundamentales para la promoción de un debate sobre la EaD en la Educación Superior, analizando posibles estrategias y medidas que deben definirse para este subsistema educativo.

Palabras clave: Educácion a Distancia; Educácion Superior; innovación; sociedad digital.


Palavras-chave


Educação a Distância; Ensino Superior; inovação; sociedade digital

Texto completo:

PDF

Referências


BIELSCHOWSKY, C.; LAASER, W.; MASON, R.; SANGRA, A.; HASAN, A. Reforming Distance Learning Higher Education in Portugal, Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, 2009. Disponível em: http://www.univ-ab.pt/pdf/news/panel_report.pdf, 6/6/2010.

CAEIRO, D.; MOREIRA, J. A. Aprendizagem ao Longo da Vida, Educação a Distância e Inclusão Digital: a criação de um campus virtual para estabelecimentos prisionais em Portugal. In: NONATO, E. R., SALES, M., MAGALHÃES DE ALBUQUERQUE, J. (Orgs.) Educação a Distância: Percursos e Perspetivas (153-186). Salvador da Bahia: Universalis, Edições UNEB- Universidade do Estado da Bahia, 2017.

CASTELLS, M. A Sociedade em Rede. A Era da Informação: Economia, Sociedade e Cultura. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2007.

DIAS, P. Porque temos de ser fabricantes de Inovação. In: RITA, A.; CRISTÓVÃO, F. Fabricar a Inovação. O processo criativo em questão nas Ciências, nas Letras e nas Artes. (395-396), 2016.

D´ISRAELI, Curiosities of Literature, Londres: Richard Bentley, 1838.

JENKINS, H. A Cultura da Convergência. São Paulo. Editora Aleph, 2009.

LATOUR, B. Reassembling the social: an introduction to actor-network-theory. New York: Oxford University Press, 2005.

MONTEIRO, A.; MOREIRA, J. A.; LEITE, C. O eLearning em estabelecimentos prisionais: possibilidades e limites para a inclusão digital e justiça social. Revista Diálogo Educacional, vol. 16, n. 47, p. 77-102, 2016. Disponível em: http://www2.pucpr.br/reol/pb/index.php/dialogo?dd1=16098&dd99=view&dd98=pb

PORTO, C.; MOREIRA, J. A. Ambientes de Aprendizagem Digitais em Ecossistemas Educativos. In: PORTO, C.; MOREIRA, J. A. (Orgs.) Educação no ciberespaço. Novas configurações, convergências e conexões (13-20). Sergipe: Editora Universitária Tiradentes- EDUNIT, 2017.

SCHLEMMER, E. Hibridismo, Multimodalidade e Nomadismo: codeterminação e coexistência para uma Educação em contexto de ubiquidade. In: MILL, D.; REALI, A. (Eds.). Educação a Distância. Qualidade e Convergências. (61-85). São Carlos: EDUFSCar, 2016.

SIMONSON, M.; SMALDINO, S. E.; ALBRIGHT, M.; ZVACEK, S. Teaching and Learning at a Distance: Foundations of Distance Education. Pearson Education: United States, 2009.




DOI: https://doi.org/10.21573/vol34n12018.82460

INDEXADORES

BBE – Bibliografia Brasileira de Educação (Brasília, MEC/INEP)
CLASE – Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades (México, UNAM)
DIADORIM - Diretório de Políticas Editoriais das Revistas Científicas Brasileiras
DOAJ - Directory of Open Access Journals
DRJI - Directory of Research Journals Indexing (Maharashtra, India)
Edubase (SBU/UNICAMP)
LATINDEX - Sistema Regional de Información em Línea para Revistas Científicas de América Latina, el Caribe, España y Portugal
Portal de Periódicos da Capes/MEC
Scielo Educ@ - Fundação Carlos Chagas-FCC, São Paulo/Brasil
Science Library Index - Meadow Springs, Mandurah State, Austrália
SUMÁRIOS.ORG - Sumários de Revistas Brasileiras

 

Licença Creative Commons
Revista Brasileira de Política e Administração da Educação,
da Associação Brasileira de Política e Administração da Educação
está licenciada com uma Licença
Creative Commons - Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em http://seer.ufrgs.br/index.php/rbpae/index

ISSN versão impressa: 1678-166X
ISSN versão eletrônica: 2447-4193

Prefixo DOI: 10.21573