RELEITURA DA CLASSIFICAÇÃO DE KÖPPEN PARA DEMONSTRAR A VARIABILIDADE CLIMÁTICA: PROPOSTA PARA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Ricardo de Jesus Brandolt

Resumo


Neste trabalho se propõe um exercício para o ensino de climatologia no qual se aplica a velha classificação climática de Köppen, porém de uma forma renovada. Ao invés de usarem-se as médias climáticas de 30 anos por estação meteorológica, propõe-se o uso das médias ou totais mensais, ano a ano. Explica-se uma metodologia de aplicação usando planilha eletrônica em EXCEL, contudo, o mesmo processo pode ser realizado de modo analógico, desde que estejam claros os limiares de cada caractere (letra). Também se apresenta dois exemplos: um restrito a duas localidades, mas para um tempo mais longo e outro, aplicado à 16 estações INMET do Rio Grande do Sul, para um período de 11 anos. Este exercício propicia a compreensão do significado dos caracteres da classificação climática ainda majoritariamente utilizada. Além disso, permite constatar que os tipos climáticos definidos a partir de normais climatológicas têm em si uma significativa variabilidade interanual.

Palavras-chave


Tipo Climático. Köppen. Variabilidade Interanual.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-0003.97552

Indexadores


Apoio