Paisagem sonora do boi do Norte: a música que cura todos os males

Beatriz Helena Furlanetto, Salete Kozel

Resumo


O texto discute o conceito de paisagem sonora na perspectiva da geografia cultural. Ao contemplar a dimensão material e simbólica da existência humana, a paisagem reflete a identidade dos grupos culturais e emerge segundo as experiências de cada indivíduo. Para Berque, a paisagem é marca e matriz da cultura, expressa uma civilização e transmite usos e significações de uma geração à outra.  Cosgrove considera a paisagem como um texto cultural, que apresenta a possibilidade de múltiplas leituras apreendidas através de poesias, letras de músicas, filmes, pinturas e outras representações. A paisagem sonora é o ambiente sonoro da humanidade, um conjunto sempre presente de sons que estão constantemente em mutação, de acordo com Schafer. Nesse sentido, é possível investigar a paisagem sonora do boi-de-mamão, considerando-o uma criação coletiva capaz de revelar os sentidos que determinados sujeitos atribuem ao seu ambiente. A pesquisa tem como orientação a abordagem fenomenológica, fundamentada na análise documental, bibliográfica e pesquisa de campo. O boi-de-mamão, denominação atribuída ao bumba-meu-boi nos Estados do Paraná e Santa Catarina, é um folguedo brasileiro resultante da união de elementos das culturas europeia, indígena e africana, na qual o boi é a principal figura de representação. Com o objetivo de apreender os sentidos que os participantes do folguedo atribuem ao seu espaço, realizou-se a análise parcial de uma entrevista com a vice-presidente do Boi do Norte, um grupo de boi-de-mamão da cidade de Antonina, no litoral paranaense. São apontadas algumas reflexões que emergem da fala da entrevistada, como questões relacionadas à sociabilidade, à espacialidade e à música. Considerando a fase inicial dessa pesquisa, os resultados são parciais, mas evidenciam a riqueza do objeto e a urgência de maiores investigações.


Palavras-chave


Geografia Cultural; Paisagem Sonora; Arte popular; Boi-de-mamão

Texto completo:

VISUALIZAR ARQUIVO PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-0003.36490

Para Onde!? / ISSN 1982-0003  / DOI https://doi.org/10.22456/1982-0003

Revista do Programa de Pós-Graduação em Geografia - Instituto de Geociências - Universidade Federal do Rio Grande do Sul


Indexadores e Repositórios

Apoio