VITORIANOS, MODERNOS E SALVAGEPUNKS: REVERBERAÇÕES E ASSOMBROLOGIAS DO SÉCULO 19

Sonia Torres

Resumo


A cultura contemporânea (tanto a high culture quanto a low culture) está cada vez mais enamorada do século 19. Alguns exemplos que ilustram esta hipótese: os filmes dirigidos por Francis Ford Coppola, Jane Campion e Ang Lee; os romances  de A. S. Byatt e William Gibson; as revisitas a Oscar Wilde e Lewis Carroll, fotografia nostálgica, produtos de computação gráfica,  o cyberpunk e o steampunk. No texto desenvolvido aqui, discuto as reverberações da era vitoriana na contemporaneidade, argumentando que, a contrapelo da margem a que Pound relega o passado vitoriano, no início do século 20, o espectro persistente dos vitorianos ronda todas as formas de modernide. 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2238-8915.85977

Direitos autorais 2018 Sonia Torres

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

E-ISSN: 22388915 / ISSN Impresso: 0102-6267

LICENÇA

Os artigos publicados na revista estão sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

INDEXADORES

  

     

   

 

           Imagen relacionada

   

Flag Counter