Le roman mémoriel de Régine Robin : itinerário intelectual na estrita autoficcional

Kelley Baptista Duarte

Resumo


A proposta deste artigo é apresentar a leitura que se faz da obra Le roman mémoriel de Régine Robin, publicada em 1989, explorando duas das principais interpretações da expressão “romance memorial“ nessa produção. A primeira, relaciona-se aos aspectos pessoais, memoriais e culturais narrados através de mecanismos textuais difversos ; a outra  apresenta a obra como um roteiro da vida acadêmica ou autoral, ou melhor, um itinerário da vida profissional de uma escritora que admite ter uma postura de escrita, muitas vezes, inclassificável.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2238-8915.48236

Direitos autorais



E-ISSN: 22388915 / ISSN Impresso: 0102-6267

LICENÇA

Os artigos publicados na revista estão sob a Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional

INDEXADORES

  

     

   

 

           Imagen relacionada

   

Flag Counter