As novas formas do falso: entretenimento, desinformação e política nas redes digitais

Autores

  • Marcio Serelle Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas)
  • Rosana de Lima Soares Universidade de São Paulo - Escola de Comunicações e Artes (ECA-USP) http://orcid.org/0000-0003-4250-9537

DOI:

https://doi.org/10.19132/1807-8583202152.94842

Palavras-chave:

Comunicação, Política, Entretenimento, Informação falsa, Jornalismo

Resumo

A partir das formas culturais (memes, gifs, áudios, vídeos, entre outros) que circularam nas redes digitais durante as eleições brasileiras de 2018, este ensaio investiga a articulação entre entretenimento e informação no embate político, em que se disseminaram informações falsas por meio de discursos que oscilaram da ludicidade à violência. A hipótese é a de que essas formas, emergentes de um substrato cultural constituído historicamente por hibridações, acabaram por se justapor ou mesmo sobrepor àquelas do jornalismo de referência no cotidiano dos eleitores. A comunicação dessas formas, por meio de estruturas profissionais, opera com narrativas de intensidade emotiva para grupos segmentados. Como na lógica do entretenimento, instaurou-se, nesse debate político, um mundo à parte, em que a vinculação com a realidade imediata se tornou irrelevante.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcio Serelle, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas)

Professor do Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social da PUC Minas. Foi professor visitante no Centre for Critical and Cultural Studies da Universidade de Queensland (Austrália, 2015/Capes). Coordenador do grupo de pesquisa Mídia e Narrativa. Bolsista de Produtividade em Pesquisa/CNPq.

Rosana de Lima Soares, Universidade de São Paulo - Escola de Comunicações e Artes (ECA-USP)

Professora livre-docente no Programa de Pós-Graduação em Meios e Processos Audiovisuais e no Departamento de Jornalismo e Editoração da ECA-USP. Realizou pesquisa de pós-doutorado no Kings College London (Inglaterra, 2014/Fapesp). Coordenadora do grupo de pesquisa MidiAto - Grupo de Estudos de Linguagem: Práticas Midiáticas e membro da Socine (Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual). Bolsista de Produtividade em Pesquisa/CNPq.

Downloads

Publicado

2021-07-07

Como Citar

Serelle, M., e R. de L. Soares. “As Novas Formas Do Falso: Entretenimento, desinformação E política Nas Redes Digitais”. Intexto, nº 52, julho de 2021, p. 94842, doi:10.19132/1807-8583202152.94842.

Edição

Seção

Artigos