A indústria também produz teoria? Contribuições de John T. Caldwell para os estudos do cinema e da televisão

Ludmila Moreira Macedo de Carvalho, Elva Fabiane Matos do Valle

Resumo


O artigo procura apresentar as contribuições do pesquisador norte-americano John T. Caldwell para os estudos contemporâneos de cinema e televisão. Em diversas de duas obras, Caldwell aponta que a distância entre o pensamento analítico produzido nos ambientes acadêmicos e as práticas autorreflexivas dos trabalhadores no campo da produção audiovisual pode ser menor do que se pensa. Com efeito, o autor advoga que a observação das práticas autorreflexivas e autoconscientes dos trabalhadores em posições consideradas mais técnicas, e consequentemente menos criativas, traria importantes contribuições para o pensamento teórico sobre a indústria do audiovisual. O artigo procura explorar, num primeiro momento, os conceitos de ‘teoria industrial’ e de ‘práticas reflexivas abaixo-da-linha’ desenvolvidos pelo autor. Num segundo momento, procuraremos averiguar de que modo as contribuições metodológicas das reflexões propostas por Caldwell nos permitem pensar questões de estilo em obras do cinema e da televisão. 


Palavras-chave


Cinema; televisão; teoria

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.19132/1807-858320190.%25p



Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)