A dimensão simbólico-mítica do jornalismo para além da dicotomia objetividade/subjetividade

Flávia Dourado Maia

Resumo


O artigo discute a urgência de novos pontos de vista epistemológicos para estudar a dimensão simbólico-mítica do jornalismo, pontos que permitam ir além da dicotomia objetividade-subjetividade. Para isso, apresenta os paradigmas hegemônico e contra-hegemônico na área, apontando limitações e potencialidades, e propõe o diálogo com as teorias do imaginário como alternativa para investigar as manifestações míticas nas notícias.

Palavras-chave


Jornalismo. Objetividade. Imaginário.

Texto completo:

PDF




Intexto | E-ISSN 1807-8583 | Facebook | Google Scholar 

Classificação Qualis: B1 - Comunicação, Informação, História, Letras/Linguística  | B2 - Psicologia | B3 - Ciência Política e Relações Internacionais, Arquitetura, Urbanismo e Design, Ciências Ambientais, Interdisciplinar | B4 - Sociologia. 

Programa de Pós-graduação em Comunicação | Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Rua Ramiro Barcelos, 2705 sala 519 - Porto Alegre, RS, Brasil | E-mail: Intexto @ufrgs.br

Membro Associação Brasileira de Editores Científicos 

Signatária DORA (San Francisco Declaration on Research Assessment)