Revista Eletrônica de Administração https://seer.ufrgs.br/index.php/read <p>A REAd - Revista Eletrônica de Administração, criada em 1995 e publicada pela <a href="/public/journals/110/docs/REGIMENTO-EA.pdf" target="_blank">Escola de Administração</a> da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, foi a primeira revista eletrônica da área na América Latina. A REAd é classificada como B1 na CAPES, e está na <a href="http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_serial&amp;pid=1413-2311&amp;lng=en&amp;nrm=iso" target="blank">Coleção SciELO</a> e na Redalyc.org. É uma publicação quadrimestral. Além dos três números anuais, podem ser publicadas edições temáticas especiais.</p><p>A REAd<em> </em>publica ensaios e trabalhos teórico-empíricos das diversas áreas da Administração. Acolhemos trabalhos das diversas vertentes onto-epistemológicas, com alta consistência teórica e rigor metodológico (quando for o caso).</p> pt-BR <p> O autor mantém os direitos autorais e autoriza a REAd a publicar o artigo no seu site ou em edições impressas, não implicando no pagamento de direitos autorais e de nenhuma outra taxa aos autores, e atesta que este artigo não foi publicado, até esta data, em nenhum periódico brasileiro.</p> <p><span style="font-family: 'Maiandra GD', sans-serif; font-size: 10pt; line-height: 115%;"> </span></p> ea_read@ufrgs.br (Guilherme Dornelas Camara) ea_read@ufrgs.br (Equipe Editorial) Wed, 31 Aug 2022 13:37:34 -0300 OJS 3.2.1.4 http://blogs.law.harvard.edu/tech/rss 60 Professores o tempo todo https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/112251 <p>A pandemia causada pelo COVID-19 provocou transformações na organização social do trabalho, ocasionada principalmente pela expansão do trabalho remoto, e afetou trabalhadoras e trabalhadores brasileiros, já prejudicados pelas sucessivas reformas trabalhistas e previdenciárias realizadas especialmente no decorrer das últimas três décadas. Com o trabalho docente não foi diferente. O presente artigo possui dois objetivos principais: o primeiro foi identificar as transformações ocorridas na organização do trabalho docente no ensino superior durante o período pandêmico. A partir da caracterização das mudanças, nós nos direcionamos ao segundo objetivo, que foi analisar de que forma as condições materiais, físicas e emocionais afetam os docentes no momento da pandemia. Adotamos na pesquisa um delineamento qualitativo, que contou com a realização e a análise de conteúdo de 18 entrevistas com professores e professoras, que atuaram durante o primeiro semestre de 2020 ministrando aulas para cursos de graduação e especialização em Administração e Contabilidade. Os resultados indicam que as adaptações emergenciais realizadas na organização do trabalho e a inadequação dos recursos materiais disponíveis sobrecarregaram os professores com novas funções e atividades, com efeitos prejudiciais às suas condições físicas e psicológicas. A ausência de suporte institucional ao trabalho docente foi também um traço marcante identificado no período.</p> Egon Bianchini Calderari, Fernando Ressetti Pinheiro Marques Vianna, Francis Kanashiro Meneghetti Copyright (c) 2022 Egon Bianchini Calderari, Fernando Ressetti Pinheiro Marques Vianna, Francis Kanashiro Meneghetti https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/112251 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 Regulamentação do lobby no Brasil https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/116848 <p>A estratégia de <em>lobbying, </em>caracterizada pelo complexo processo de defesa de interesses diante do poder público,<em> </em>compõe o exercício da Atividade Política Corporativa (APC)<em>. </em>Observa-se no Brasil, desde 1984, tentativas malsucedidas de regulamentação do <em>lobby</em>. Com isto, o ambiente em que se dão as relações se torna menos transparente e sensível nas esferas ética, política e empresarial. Assim, o objetivo deste trabalho é discutir o processo de regulamentação do <em>lobby </em>no Brasil, por meio do Projeto de Lei 1202/2007, à luz da Análise Crítica do Discurso. Como principais resultados da discussão, ressaltamos que não regulamentar o <em>lobby </em>é um problema, pois mantém-se o <em>status quo</em>. E regulamentar, da forma proposta, trará novos problemas, na medida que se mantém o <em>status quo</em> de dominação da elite político-empresarial, em detrimento da sociedade, contudo, sob nova roupagem, da falta de transparência na relação público-privado mascarada como regulamentação. <strong></strong></p> Patricia Maragoni Machado de Almeida, Márcio Moutinho Abdalla, André Ferreira Copyright (c) 2022 Patricia Maragoni Machado de Almeida, Márcio Moutinho Abdalla, André Ferreira https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/116848 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 Searching for meanings https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/109516 <p>This research aims to develop a critical-reflexive analysis of entrepreneurship in public management based on two significant works of Alberto Guerreiro Ramos: ‘The sociological reduction’ and ‘The new science of organizations.’ The research is qualitative, based on bibliographic, documentary data, in-depth interviews, online questionnaires, and direct observation. The results show that the challenges present in the context of study indicate that small municipalities can present fertile ground for the development of entrepreneurial practices. The analyses have also shown that the main deficiencies of the small towns are the managers’ lack of training, the lack of effective articulation with the federal level, the lack of an environment capable of fostering proactivity and participation, the financial crisis, and the necessary behaviors and arrangements. A huge gap for the development of effective businesss practice is the loose coordination of the Union, states and municipalities, which is a historical feature of the country.</p> Josiel Lopes Valadares, Suélem Viana Macedo, James Rocha Rodrigues de Melo Copyright (c) 2022 Josiel Lopes Valadares, Suélem Viana Macedo, James Rocha Rodrigues de Melo https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/109516 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 O pensamento de Norbert Elias https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119096 <p>Norbert Elias se inscreve numa perspectiva crítica à teoria sociológica predominante de seu tempo, notadamente o estrutural-funcionalismo. Ele recusa a compreensão de termos como “estrutura” e “função” num quadro de referência estático, que tende a assumir certo determinismo e pouca possibilidade de percepção da dinâmica social. Este artigo busca sintetizar, de forma integrada e articulada, suas principais concepções e formulações, de modo a trazer possíveis contribuições para o campo de estudos organizacionais. Neste aspecto, ressalta-se a combinação de diversas perspectivas sociológicas, conferindo-lhes uma abordagem única e peculiar, dentro da chamada sociologia dos processos ou da sociologia figuracional; em que recusa a dicotomia indivíduo/sociedade e a reificação de conceitos, articulando psicogênese e sociogênese como elementos indissociáveis para compreensão da vida social em longo prazo. Embora o autor não seja um teórico ou analista das organizações, sua teorização e seu método de análise possibilitam avanços para se compreender questões relevantes, como a dinâmica organizacional, identidade e relações de poder, bem como se pensar a organização como um figuração.</p> Ângelo Brigato Ésther Copyright (c) 2022 Ângelo Brigato Ésther https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119096 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 A cartografia como fazer-metodológico de pesquisadores organizacionais https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119231 <p>Este artigo tem como objetivo descrever um processo de pesquisa, em que utilizamos o método cartográfico para estudo de um tema fronteiriço no campo dos estudos organizacionais e do trabalho: o fenômeno <em>slash</em>. Propomos uma discussão metodológica sobre a cartografia, ampliando as possibilidades teóricas e empíricas, principalmente, para os estudos organizacionais. Descrevemos o processo cartográfico da nossa pesquisa em 03 (três) rotas: sobre a cartografia; sobre o cartógrafo; e cartografando. Como resultados, apresentamos 04 (quatro) sínteses, quais sejam: (i) o pesquisador-cartógrafo como parte da geografia de sua pesquisa; (ii) a convicção de que o trabalho do cartógrafo é construído aos poucos e em detalhes; (iii) as principais características observadas em campo sobre a cartografia nos estudos organizacionais; e (iv) contraponto a uma possível glamourização da dinâmica do fenômeno <em>slash</em>.</p> Eduardo Carneiro Lima, Ana Cristina Batista dos Santos, Patrícia Passos Sampaio Copyright (c) 2022 Eduardo Carneiro Lima, Ana Cristina Batista dos Santos, Patrícia Passos Sampaio https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119231 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 A relação entre maternidade, reprodução social e neoliberalismo na Política Nacional de Atenção às Mulheres em Situação de Privação de Liberdade e Egressas do Sistema Prisional (PNAMPE) https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/121697 <p>Este artigo tem por objetivo compreender as relações dialéticas entre o discurso da Política Nacional de Atenção às Mulheres em Situação de Privação de Liberdade e Egressas do Sistema Prisional (PNAMPE), o neoliberalismo e a reprodução social. O Estado capitalista é aqui entendido na perspectiva marxista, como o consenso político das massas produzido para atender a necessidades materiais e históricas das classes dominantes, visando o controle social pelo amortecimento do real conflito social capitalista: o de classes. Em tempos de crises cíclicas do capital as classes dominantes se valem de discursos ideológicos como os do neoconservadorismo, a fim de garantir o controle social e alocar mulheres, sobretudo negras e pobres, ao trabalho reprodutivo, garantindo a reprodução social em face a cortes de políticas públicas que atendem aos desígnios neoliberais. Buscando compreender a relação entre reprodução social e neoliberalismo com o discurso da PNAMPE, utiliza-se da proposta teórico-metodológica da Análise Crítica do Discurso (ACD), em Norman Fairclough. Os resultados apontam que o sistema prisional se volta para a regulação do mercado de trabalho capitalista e a PNAMPE contribui para a dominação e regulação social pelas classes dominantes, garantindo que o trabalho de reprodução social seja atribuído às mulheres em situação de privação de liberdade, sobretudo aquelas que se tornam mães.</p> Aline Cangira Medeiros, Fernanda Mitsue Soares Onuma Copyright (c) 2022 Aline Cangira Medeiros, Fernanda Mitsue Soares Onuma https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/121697 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 Gestión del conocimiento en clave de derechos humanos https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/120478 <p>El objetivo de este artículo es presentar un análisis documental de un conjunto de textos institucionales en Colombia sobre los <em>Programas de Desarrollo con Enfoque Territorial</em> (PDET) con énfasis en su Pilar 8, para considerar la forma en la cual se gestiona el conocimiento en derechos humanos. Los PDET surgen dentro del Acuerdo de Paz firmado en 2016 (entre el estado y la guerrilla de las Farc-ep), como dimensión de garantía de los derechos en los territorios especialmente afectados por el conflicto armado interno. Frente a concepciones tradicionales, el conocimiento se asume como experiencia situada, significada por entramados de subjetividades y territorialidades, cuya gestión implica producciones en tensión con discursos y tecnologías gubernamentales. Se trata de un estudio cualitativo, que sigue una mirada crítico-hermenéutica desde la cual se realiza un análisis del discurso sistematizado y organizado con apoyo del software AtlasTi. Se muestra que el contenido cognitivo que presenta la narrativa del Acuerdo, afirma la garantía y protección de los derechos humanos en los territorios-PDET; sin embargo, se infiere que, dada la débil implementación, se asiste a un giro tanto de la propia narrativa como de la gestión de conocimiento sobre el territorio.</p> Yolanda Rodriguez Rincòn, Lady Andrea Suàrez Carvajal Copyright (c) 2022 Yolanda Rodriguez Rincòn, Lady Andrea Suàrez Carvajal https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/120478 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 Repensando a carreira pública brasileira sob a perspectiva dos processos de transformações globais https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119865 <p>Os processos de mudança organizacional estão se tornando cada vez mais comuns sob a óptica de estratégias, reestruturações ou tecnologias, sem levar em conta a mudança de relações que envolve o indivíduo com a organização, com a sociedade e consigo mesmo. Muitas pessoas estão valorizando menos os conceitos tradicionais como lealdade, autoridade, antiguidade ou promoção, de forma que o trabalho, a família, o autodesenvolvimento e a carreira possam receber atenção substancial. Este contexto coloca em evidência as particularidades da força de trabalho do serviço público federal brasileiro e a sua interrelação com o sistema de carreira, que foi adotado para esta classe de trabalhadores. Assim, o presente ensaio tem por objetivo adentrar no universo das teorias que exploram as características da carreira pública federal brasileira, com o intuito de defrontá-las com as teorias e tendências que abarcam a temática na atualidade. Para alcançar esse objetivo foi realizada uma pesquisa bibliográfica a partir de uma abordagem qualitativa, com natureza de ensaio teórico, em que se observou que existe um descompasso entre a realidade da carreira pública federal brasileira e a evolução das teorias que lidam com o tema.</p> Marco Aurélio Amaral de Castro, Kamila Pagel de Oliveira Copyright (c) 2022 Marco Aurélio Amaral de Castro, Kamila Pagel de Oliveira https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/119865 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 A vantagem competitiva das empresas cleantechs e o desenvolvimento de capacidades dinâmicas utilizando internet das coisas https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/123816 <p>As empresas de tecnologia limpa (<em>Cleantechs</em>) utilizam diferentes tecnologias para o desenvolvimento de soluções e inovações no mercado. Entre essas tecnologias, o IoT (<em>Internet of Things</em>) se destaca por viabilizar a automação de processos e a criação de capacidades e soluções que diferenciam os modelos de negócios dessas empresas e podem gerar vantagens de mercado. O objetivo é apresentar um modelo de desenvolvimento de capacidades dinâmicas por meio de IoT para obtenção de vantagem competitiva nas empresas <em>Cleantechs</em>. O percurso metodológico contou com a realização de uma pesquisa qualitativa de caráter descritivo. Foram realizadas 22 entrevistas, representadas por 17 empresas <em>Cleantech</em>. As lentes teóricas utilizadas foram: “IoT”, “Capacidades Dinâmicas” e “Vantagem Competitiva”. Os resultados indicam que o IoT pode minimizar os custos de transação no processo de adaptação de produtos e serviços, aumentar a previsibilidade de incertezas e riscos, além de fomentar a agilidade nas organizações. O trabalho apresenta como contribuição científica um modelo que demonstra como ocorre o desenvolvimento de capacidades dinâmicas via IoT para vantagem competitiva de mercado.</p> Matheus Eurico Soares Noronha, Victor Takashi Hayashi, Luiz Otávio Estevam da Silva, Matheus Nunes Lima Copyright (c) 2022 Matheus Eurico Soares Noronha, Victor Takashi Hayashi, Luiz Otávio Estevam da Silva, Matheus Nunes Lima https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/123816 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300 Produção de conhecimento em Administração e ciência aberta https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/126842 <p>Editorial do v. 22, n. 2, maio - agosto de 2022.</p> Guilherme Dornelas Camara Copyright (c) 2022 Guilherme Dornelas Camara https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/legalcode#languages https://seer.ufrgs.br/index.php/read/article/view/126842 Wed, 31 Aug 2022 00:00:00 -0300