FORMAÇÃO DA IDENTIDADE ESPACIAL URBANA NO CONTEXTO DA HIPERMODERNIDADE: UM ESTUDO DE CASO EM REGIÕES ADMINISTRATIVAS DE PELOTAS, RS.

Autores

  • Paula Neumann Novack

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-0003.83821

Resumo

O objetivo principal do trabalho consiste em verificar se o contexto da hipermodernidade está rela- cionado com a formação da identidade espacial, em Pelotas, RS. A pesquisa apresenta uma discussão sobre o conceito de hipermodernidade, bem como identidade espacial urbana que, posteriormente são relacionados com os resultados do trabalho de campo e com o contexto atual da cidade de Pelotas. Do ponto de vista meto- dológico, foram estudadas duas regiões administrativas de Pelotas: São Gonçalo e Fragata. Também foi realiza- da uma pesquisa de campo, com entrevistas à população local em uma perspectiva qualitativa. Ainda que não completamente espacializada, os resultados mostram a presença da hipermodernidade no comportamento dos moradores das áreas estudadas em Pelotas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Paula Neumann Novack

Bacharel e Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Pelotas, doutoranda em Geografia pela Pontificia Universidad Católica de Chile.

Downloads

Publicado

2015-06-21

Edição

Seção

Artigos