Jost, F. (2010) “Pode-se falar de televisão cultural?”, Intexto. Porto Alegre, (23), p. 223–237. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/intexto/article/view/17855 (Acessado: 2julho2022).