Suscetibilidade e resistência genética ao SARS-CoV-2 e COVID-19

Autores

  • Salmo Raskin Centro de Aconselhamento e Laboratório Genetika, Curitiba, PR, Brasil

Resumo

Desde os primeiros momentos da pandemia de COVID-19 ficou evidente a variabilidade tanto de se infectar como de apresentar quadro clínico com diferente gravidade da doença. Epidemiologicamente se observou que homens mais velhos e com comorbidades seriam mais impactados pela doença. Dois anos e meio após o início da pandemia sabemos que a suscetibilidade e resistência a infecção pelo SARS-CoV-2 e gravidade da COVID-19 são dadas de forma muito complexa e multifatorial. O componente genético começa a ser desvendado, com importante implicação na compreensão da fisiopatologia da doença, em especial nos mecanismos de entrada do SARS-CoV-2 na célula humana, e nas defesas inatas do nosso sistema imunológico. Esta revisão descreve os principais loci, genes e alelos já implicados em formas raras desta interação vírus/hospedeiro, e ressalta a importância de que a elucidação das bases genéticas de formas raras pode ter para a compreensão mais ampla da maior pandemia dos últimos 100 anos.

From the first moments of the COVID-19 pandemic, the variability of both becoming infected and presenting different degrees of disease severity became evident. Epidemiologically it was observed that older men and those with comorbidities would be more impacted by the disease. Two and a half years after the beginning of the pandemic, it is already known that susceptibility and resistance to infection by SARS-CoV-2 and COVID-19 are given in a very complex and multifactorial way. The genetic component is beginning to be unraveled, with important implications for understanding the pathophysiology of the disease, especially in the mechanisms of SARS-CoV-2 entry into the human cell, and the innate defenses of our immune system. This review describes the key loci, genes, and alleles already implicated in rare forms of this virus/host interaction, and highlights the importance of rare forms for a broader understanding of the most important pandemic of the past 100 years.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-12-23

Como Citar

RASKIN, S. Suscetibilidade e resistência genética ao SARS-CoV-2 e COVID-19. Bio Diverso, Porto Alegre, v. 2, n. 1, 2022. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/biodiverso/article/view/125764. Acesso em: 10 dez. 2023.

Edição

Seção

Revisão e Síntese