NOVO PRAZO / CHAMADA ABERTA: JARDINS / Submissões até 20/03/2023

2023-03-07

Os jardins possuem usos e polissemias que ultrapassam qualquer conceito estreito. Presentes nos principais mitos fundadores da humanidade – do cobiçado jardim do Éden, eternamente traído, aos exuberantes jardins suspensos da Babilônia –, carregam o sentido de lugar protegido ou hortus conclusus. No século XVII, a natureza era adestrada sob o olhar do jardineiro francês, ao mesmo tempo em que as grandes invasões do novo mundo lapidavam as vegetações e habitantes nativos do planeta Terra. Mais tarde, jardins que antes eram espaços legados aos prazeres da aristocracia foram abertos aos públicos em geral em respostas às novas necessidades da república.

Já os povos originários compreendem a natureza como um complexo de vidas dinâmico do qual fazemos parte e a partir da onde dialogamos. Flores, árvores, musgos são seres vivos com os quais estamos em constante diálogo. Isso se contrapõe a políticas contemporâneas, em que jardins e parques vêm sendo assediados pela especulação imobiliária, por políticas públicas ultraliberais que põem em risco o caráter democrático do espaço público físico e simbólico.

A edição 13 da Revista-Valise convida para o envio, até 20/03/2023, de propostas em Artes Visuais e áreas do conhecimento afins, tendo a escrita sobre jardins, não apenas como lugares especiais de exuberância da vida, do cultivo e do proveito emocional, mas também lugares de escutas e estudos da Terra como um grande jardim planetário. As submissões deverão seguir rigorosamente as diretrizes para autores e o modelo para artigos, podendo ser acessados pelo link https://linktr.ee/revistavalise