[1]
L. L. Silva Filho, U. C. T. Lagioia, F. de A. Carlos Filho, J. G. de Araújo, e L. V. Lemos, “UM ESTUDO SOBRE O REFLEXO NO RECONHECIMENTO DOS ATIVOS INTANGÍVEIS APÓS A ADOÇÃO DAS NORMAS INTERNACIONAIS DE CONTABILIDADE NAS EMPRESAS BRASILEIRAS LISTADAS NA BM&FBOVESPA”, ConTexto, vol. 14, nº 27, ago. 2014.