UM ESTUDO SOBRE A EVIDENCIAÇÃO DOS BENEFÍCIOS ECONÔMICOS, SOCIAIS E AMBIENTAIS DA CENTRAL DE SEPARAÇÃO DE RECICLÁVEIS (CSR) DA COMPANHIA DE LIMPEZA URBANA DA CIDADE DO RIO DE JANEIRO

Autores

  • Aracéli Cristina de Sousa Ferreira
  • Márcia da Silva Carvalho

Palavras-chave:

Coleta seletiva. Benefícios. Evidenciação. Custos. Meio ambiente

Resumo

O gerenciamento dos resíduos sólidos se tornou, nas últimas décadas, um tema preocupante para os administradores públicos de todo o mundo. As experiências com resíduos que têm apelo social e ambiental terão maior velocidade se apresentarem também apelo econômico, pois as decisões de governo comumente passam por análise de montantes investidos versus benefícios gerados. Este artigo se propõe a identificar os custos e benefícios econômicos da coleta seletiva, através do estudo de caso da Central de Separação de Recicláveis – CSR, da Companhia de Limpeza Urbana – Comlurb, no Município do Rio de Janeiro. Analisaram-se relatórios contábeis, documentos internos, informações obtidas nas entrevistas realizadas durante as visitas à empresa. Embora se possa dizer que o resultado é benéfico, a sua mensuração não é objetivamente apresentada em termos econômicos. Neste artigo, concluiu-se que não existem relatórios financeiros capazes de evidenciarem os investimentos, gastos e retornos obtidos com o projeto CSR.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads