Toxoplasmose animal no Brasil

Authors

  • Cristina Germani Fialho UFRGS
  • Mariana Caetano Teixeira UFRGS
  • Flávio Antônio Pacheco de Araujo UFRGS

DOI:

https://doi.org/10.22456/1679-9216.16180

Keywords:

Toxoplasma gondii, Protista, Apicomplexa

Abstract

A toxoplasmose é causada pelo

 

Toxoplasma gondii, parasito pertencente ao reino Protista, filo Apicomplexa, ordem Eucoccidiida e família Sarcocystidae. É um coccídeo intracelular obrigatório, que infecta naturalmente o homem, os animais selvagens e domésticos, e também os pássaros. É uma infecção de ampla distribuição geográfica e depende de alguns fatores como clima, condição socioeconômica e cultural. Os hospedeiros definitivos são os membros da família Felidae. A infecção ocorre pela ingestão de oocistos, taquizoítos, ou bradizoítos, e em algumas espécies, também por transmissão transplacentária e transmamária. É uma doença de importância em Saúde Pública, pelas alterações que causa nos fetos humanos, e de importância em produção animal pelas perdas por aborto. O diagnóstico laboratorial pode ser realizado pela demonstração do coccídeo (parasitológico), por métodos indiretos (imunológico) e por métodos de biologia molecular. A doença possui tratamento, mas não existem, atualmente, vacinas para toxoplasmose humana, apenas há uma vacina comercial para ovinos e estudos em outras espécies animais.

Downloads

Download data is not yet available.

Author Biographies

Cristina Germani Fialho, UFRGS

 

 

Doutoranda.

Mariana Caetano Teixeira, UFRGS

 

 

Mestranda, Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinárias (PPGCV), Faculdade de Veterinária (FaVet), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, RS/Brasil.

Flávio Antônio Pacheco de Araujo, UFRGS

 

 

Setor de Protozoologia, Departamento de Patologia Clínica Veterinária, FAVET-UFRGS.

Published

2018-03-30

How to Cite

Fialho, C. G., Teixeira, M. C., & Araujo, F. A. P. de. (2018). Toxoplasmose animal no Brasil. Acta Scientiae Veterinariae, 37(1), 1–23. https://doi.org/10.22456/1679-9216.16180

Issue

Section

Review