De Parintins para todo Mundo ver os Velhos da Amazônia

Alice Alves de Menezes Ponce de Leão Nonato

Resumo


A velhice é um conceito polissêmico que, embora seja marcada por características próprias que se aplicam comumente a todos os indivíduos, não se configura como uma experiência unificadora, pois cada sujeito se situa em um tempo-lugar diferente elaborando vivências singulares dessa condição existencial humana. Na Amazônia, os velhos compõem a poiesis das suas vidas a partir de elementos simbólicos que orientam as suas práticas sociais dando significados regionais às suas velhices. Buscou-se compreender como homens e mulheres que vivem nas comunidades rurais da cidade de Parintins, Amazonas, elaboram as suas velhices a partir da relação homem-natureza. Utilizou-se abordagem interdisciplinar, qualitativa, com aplicação de entrevistas com maiores de sessenta anos. Constatou-se que os velhos de Parintins acionam elementos do imaginário amazônico para constituírem redes de sociabilidade, se relacionarem com o meio em que vivem e buscarem soluções para os problemas da senescência, sendo, também, guardiães e perpetradores de saberes tradicionais necessários para a reprodução da vida da comunidade como um todo.

 

Abstract

Old age is a polysemous concept that, although it is marked by its own characteristics that are commonly applied to all individuals, does not constitute a unifying experience, since each subject is situated in a different time-place elaborating singular experiences of this existential human condition. In the Amazon, the old people compose the poiesis of their lives from symbolic elements that guide their social practices giving regional meanings to their old age. It was sought to understand how men and women who live in the rural communities of the city of Parintins, Amazonas, elaborate their old ages from the relation man-nature. An interdisciplinary, qualitative approach was used, with the application of interviews over sixty years old. It was found that the old people of Parintins use elements of the Amazonian imagination to form networks of sociability, to relate to the environment in which they live and to seek solutions to the problems of senescence, being also guardians and perpetrators of traditional knowledge necessary for reproduction of the life of the community as a whole.


Palavras-chave


Velhice. Amazônia. Imaginário.

Texto completo:

262-285 PDF

Referências


ARENDT, Hannah. A condição humana. Tradução de Roberto Raposo. 12ª edição. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2014;

BRASIL. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, 2010. Disponível em www.ibge.gov.br;

GALVÃO, Eduardo. Santos e Visagens: um estudo da vida religiosa de Itá, Baixo Amazonas. 2ª edição. São Paulo: Editora Nacional; Brasília: INL, 1976;

LEÃO, Alice Alves Menezes Ponce de. Serviço Social e Velhice: perspectivas para o trabalho do assistente social na promoção à saúde do idoso. Manaus: EDUA, 2015;

LITVOC, Júlio e BRITO, Francisco Carlos. Conceitos Básicos. In: Envelhecimento – Promoção e Prevenção da Saúde. Júlio Litvoc e Francisco Carlos Brito (orgs.). São Paulo. Editora Atheneu, 2004;

MATURANA, Humberto R.; VARELA, Francisco J. A árvore do conhecimento: as bases biológicas da compreensão humana. Tradução de Jonas Pereira dos Santos. São Paulo: Palas Athenas, 2001;

MONTEIRO, Dulcinéa da Mata Ribeiro (autora e organizadora). Busca de sentido e significado existencial. In: Dimensões do Envelhecer. Rio de Janeiro: Livraria e Editora Revinter, 2004;

MORIN, Edgar. O método 5: a humanidade da humanidade. Tradução de Juremir Machado da Silva. 5ª edição. Porto Alegre: Sulina, 2012;

PONCE DE LEÃO NONATO, Alice Alves Menezes. Sexo e Sexualidade na velhice: práticas transgressoras e negociadas no contexto amazônico (Tese de Doutorado). Universidade Federal do Amazonas. Manaus, 2018;

PONCE DE LEÃO NONATO, Alice Alves Menezes et. al. Entre o rural e o urbano: modos de viver a velhice em Parintins. Revista Eletrônica Mutações – RELEM, vol. 7, n. 13, 2016;

SANTOS, Boaventura de Sousa. Um discurso sobre as ciências. 6ª edição. São Paulo: Cortez, 2009;

SILVA, Charlene Maria Muniz da. Territorialidades rurais no município de Parintins: habitus, circularidade da cultura e ethos ambiental na localidade do Zé Açú. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação em Ciências do Ambiente. Manaus: Universidade Federal do Amazonas: 2015;

____________________________. Mocambo, Caburi e Vila Amazônia no município de Parintins: múltiplas dimensões do rural e do urbano na Amazônia. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Geografia. Manaus: Universidade Federal do Amazonas: 2009;

WAWZYNIAK, João Valentin. Humanos e não-humanos no universo transformacional dos ribeirinhos do rio Tapajós-Pará. Revista Mediações, vol. 17, n. 1, p. 17-32. Londrina: 2012.




DOI: https://doi.org/10.22456/1984-1191.93299

Revista Iluminuras - Publicação Eletrônica do Banco de Imagens e Efeitos Visuais - NUPECS/LAS/PPGAS/IFCH/UFRGS

E-ISSN 1984-1191