Características dos pacientes submetidos a cirurgias corretivas primárias de fissuras labiopalatinas

Adriana Maria Silva Lima Valente, Mariano Martínez Espinosa, Adalberto Novaes Silva, Gabriela Coelho Pereira de Luccia

Abstract


Introdução: As fissuras são malformações da face estabelecidas na vida intra-uterina que podem comprometer o lábio, o palato ou ambos. A cronologia cirúrgica preconiza a realização da queiloplastia primária entre 3 e 6 meses de idade e da palatoplastia primária entre 12 e 18 meses. Objetivo: Verificar a idade média dos pacientes do Hospital Universitário Júlio Müller, na época de realização das cirurgias corretivas primárias, analisando se as queiloplastias foram realizadas em média até os 6 meses de idade, e as palatoplastias até os 18 meses. Método: Estudo transversal retrospectivo, através da análise de prontuário de 43 pacientes submetidos às cirurgias corretivas primárias de lábio e palato, no período de agosto de 2007 a outubro de 2011, no Hospital Universitário Júlio Müller, em Cuiabá-MT. Resultados: Quanto ao tipo de fissura, a mais frequente foi a fissura combinada de lábio e palato unilateral, seguida da fissura isolada de palato. Do total de 57 cirurgias primárias, 29 foram corretivas de lábio e 28 corretivas de palato. Sobre a época de realização das cirurgias, observa-se que a idade média em meses, retirando-se valores extremos da análise, foi de 7,3 para as queiloplastias e de 39,6 para as palatoplastias. Conclusão: De acordo com os dados, pode-se concluir que, em média, as queiloplastias foram realizadas até os 6 meses de idade. Entretanto, as palatoplastias foram realizadas, em média, acima dos 18 meses de idade, com resultado estatisticamente significante.

Descritores: Fissura palatina, procedimentos cirúrgicos, saúde pública

 


Keywords


Fissura palatina; procedimentos cirúrgicos; saúde pública



Copyright (c)



ISSN: 2357-9730 

http://seer.ufrgs.br/hcpa/

 

 

Apoio Financeiro:

 


Licença Creative Commons
The Clinical & Biomedical Research is licenced under Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.