Dismenorréia membranácea: ainda existe? Relato de caso

Autores

  • Daniel Sad Silveira Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.
  • André Jaenickie Maternidade Therezinha de Jesus, Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.
  • Erick Sabbagh de Hollanda Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema)
  • Renata Godinho Alves Valle Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema)
  • Juliana Barroso Zimmermmann Universidade Fderal de Juiz de Fora

Palavras-chave:

Dismenorréia, dor pélvica, distúrbios menstruais

Resumo

A dismenorreia membranosa é assim denominada porque além da dor pode-se identificar a eliminação vaginal de material elástico ou membranoso. Atualmente, existem poucos relatos na literatura científica, mas sua etiologia deve ser suspeita em casos de dor associada a sangramento vaginal com eliminação de material elástico ou firme. Os autores relatam um caso de dismenorréia membranácea e uma breve revisão da literatura sobre o assunto.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Daniel Sad Silveira, Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.

Residente de Ginecologia e Obstetrícia do Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasi

André Jaenickie, Maternidade Therezinha de Jesus, Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.

Médico plantonista da Maternidade Therezinha de Jesus, Juiz de Fora, Brasil

Erick Sabbagh de Hollanda, Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema)

Acadêmico de Medicina – Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema) – Estagiário do Serviço de Obstetrícia da Maternidade Therezinha de Jesus, Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.

Renata Godinho Alves Valle, Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema)

Acadêmico de Medicina – Faculdade de Medicina Ciências da Saúde (Suprema) – Estagiário do Serviço de Obstetrícia da Maternidade Therezinha de Jesus, Juiz de Fora, Minas Gerais, Brasil.

Juliana Barroso Zimmermmann, Universidade Fderal de Juiz de Fora

Professora Adjunta do Departamento Materno Infantil da Universidade Federal de Juiz de Fora

Chefe do Serviço de Gestação de Alto Risco da UFJF

Doutora em Medicina pela UFMG

Downloads

Publicado

2012-01-30

Como Citar

1.
Silveira DS, Jaenickie A, de Hollanda ES, Valle RGA, Zimmermmann JB. Dismenorréia membranácea: ainda existe? Relato de caso. Clin Biomed Res [Internet]. 30º de janeiro de 2012 [citado 24º de junho de 2022];31(4). Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/hcpa/article/view/18864

Edição

Seção

Relatos de Casos