Arte contemporânea e cultura visual: desdobramentos da natureza-morta no ensino das artes visuais

Lutiere Dalla Valle, Milena Regina Duarte Corrêa

Resumo


A partir da natureza-morta, este texto examina a articulação entre arte contemporânea e cultura visual no ensino das artes visuais. A escrita toma como via de experimentação relatos da experiência docente vivenciadas em escola da rede pública ao desenvolver práticas educativas relacionando produções tradicionais, modernas e atuais no que tange às distintas formas de abordar o tema ao longo das últimas décadas. Neste sentido, com base nas perspectivas de Moxey, Hernández e Mitchell acerca das múltiplas - não lineares –  alternativas de aproximação com os campos da história da arte e demais campos disciplinares (linguística, estudos visuais, estudos culturais) propõe-se alguns aspectos relevantes para o desenvolvimento de ações educativas nos mais variados contextos de ensino. Além disso, discorremos acerca das significativas contribuições da perspectiva educativa da cultura visual para explorar a potencia subjetiva entorno às contingências históricas e sociais que configuram o olhar.

Palavras-chave


Arte contemporânea. Cultura visual. Natureza-morta. Ensino das artes visuais.

Texto completo:

PDF

Referências


CANTON, Kátia. Natureza-Morta. In. MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA/SESI. Natureza-morta: Still Life. São Paulo: MAC/USP, SESI, 2004.

CHEREM, Rosângela Miranda. Imagem – acontecimento. In: SILVA, Maria Cristina da Rosa Fonseca da; MAKOWIECKY, Sandra (Orgs.). Linhas cruzadas: artes visuais em debate. Florianópolis: Ed. Da UDESC, 2009.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil Platôs. Capitalismo e Esquizofrenia. v. 1. São Paulo: Editora 34, 1995.

DIAS, Belidson. O I/Mundo da Educação em Cultura Visual. Brasília: Editora da Pós-Graduação em Arte da Universidade de Brasília, 2011.

DUNCUM, Paul. Por que a arte-educação precisa mudar e o que podemos fazer. In: MARTINS, Raimundo e TOURINHO, Irene (Org.) Educação da Cultura Visual: conceitos e contextos. Santa Maria: EDUFSM, 2011. p. 15-30.

GALLEGUER, Ann (Org). Still Life Natureza-Morta. Londres: Art Library, 2002. Catálogo

GERGEN, Kenneth. Realidades y relaciones: aproximaciones a la construcción social. España: Paidós, 1996.

HERNANDEZ, Fernando. Catadores da Cultura Visual: Proposta para uma nova narrativa educacional. Porto Alegre: Mediação, 2007.

KNAUSS, Paulo. Aproximações disciplinares: história, arte e imagem. Aproximações disciplinares: história, arte e imagem. Anos 90 — Revista do Programa de Pós-Graduação em História da UFRGS, Porto Alegre, v. 15, n. 18, p. 151-168, dez. 2008.

MITCHELL, W. J. T. What do pictures want?: the lives and loves of images. Chicago: Chicago University Press, 2005.

MOXEY, Keith. Nostalgia for the real: The troubled relation of the art history to visual studies. In The Practice of Persuasion: Paradoz and Power in Art History. Ithaca, N.Y.: Coronell University Press, 2001.

SCHNEIDER, Norbert. Naturezas-Mortas. Trad. Adelaide Cervaens Rodrigues e Teresa Carvalho. Lisboa: Taschen, 2009.




DOI: https://doi.org/10.22456/2357-9854.74967

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

       

 

 

 

Revista GEARTE

ISSN 2357-9854 | e-ISSN 2596-3198 | Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Brasil

http://www.seer.ufrgs.br/gearte

 

Licença Creative Commons
Este trabalho está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.