Financiamento Estudantil Público e a Expansão do Ensino Superior Privado no Brasil: o caso da Rede Wyden Educacional

Autores

Palavras-chave:

Financiamento Estudantil. Wyden Educacional. FIES. ProUni. Financeirização.

Resumo

Este trabalho tem como objetivo analisar o financiamento estudantil público via FIES e ProUni e seu impacto na expansão do ensino superior privado no Brasil, em especial na Rede Wyden Educacional. O procedimento metodológico baseia-se numa pesquisa quantiqualitativa, realizada com fontes documentais primárias extraídas do Banco de Dados do Censo da Educação Superior no período de 2009 a 2019 e dos websites das instituições da rede Wyden. Os resultados apontam que o financiamento estudantil é o principal financiador da rede Wyden, especialmente o financiamento público por meio do FIES e do ProUni. A predominância das matrículas de estudantes com financiamentos estudantis, sejam públicos ou privados, traz como implicação o aumento da privatização do ensino superior no País, em especial dos grupos empresariais ligados à financeirização do setor educacional, como a Wyden Educacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Samantha Castro Vieira de Souza, Universidade Federal do Pará (UFPA), Belém/PA

Samantha Castro Vieira de Souza é doutoranda em Educação pela Universidade Federal do Pará. Mestre em Educação pela Universidade Federal Fluminense, integrante do Grupo de Estudos e Pesquisas sobre Educação Superior (GEPES/UFPA) e da Rede Universitas/BR.

Vera Lucia Jacob Chaves, Universidade Federal do Pará (UFPA), Belém/PA

Vera Lucia Jacob Chaves é professora titular do Instituto de Ciências da Educação da Universidade Federal do Pará. Professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da UFPA, pesquisadora produtividade do CNPq, Vice-coordenadora do GT-11 da ANPEd, pesquisadora da rede Universitas/Br e da Rede Latino-Americana e Africana de Pesquisadores em Privatização da Educação (ReLAAPPe).

Referências

BRASIL. Constituição da República dos Estados Unidos do Brasil (de 16 de julho de 1934). Nós, os representantes do povo brasileiro, pondo a nossa confiança em Deus, reunidos em Assembleia Nacional Constituinte para organizar um regime democrático, que assegure à Nação a unidade, a liberdade, a justiça e o bem-estar social e econômico, decretamos e promulgamos a seguinte. Diário Oficial, Rio de Janeiro, 1934. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/Constituicao34.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Constituição dos Estados Unidos do Brasil (de 18 de setembro de 1946). Diário Oficial, Rio de Janeiro, 1946. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao46.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil de 1988. Diário Oficial da União, Brasília, 1988. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 8.436, de 25 de junho de 1992. Institucionaliza o Programa de Crédito Educativo para estudantes carentes. Diário Oficial da União, Brasília, 1992. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8436.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 1996. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9394.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Decreto nº 2.306, de 19 de agosto de 1997. Regulamenta, para o Sistema Federal de Ensino, as disposições contidas no art. 10 da Medida Provisória nº 1.477-39, de 8 de agosto de 1997, e nos arts. 16, 19, 20, 45, 46 e § 1º, 52, parágrafo único, 54 e 88 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 1997. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/d2306.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Medida Provisória nº 1.865-4, de 26 de agosto de 1999. Dispõe sobre o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 1999. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/MPV/Antigas/1865-4.htm#:~:text=1865%2D4&text=MEDIDA%20PROVIS%C3%93RIA%20No%201.865,26%20DE%20AGOSTO%20DE%201999.&text=Disp%C3%B5e%20sobre%20o%20Fundo%20de,Superior%20e%20d%C3%A1%20outras%20provid%C3%AAncias. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 10.260, de 12 de julho de 2001. Dispõe sobre o Fundo de Financiamento ao estudante do Ensino Superior e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2001. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/leis_2001/L10260compilado.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Decreto nº 4.914, de 11 de dezembro de 2003. Dispõe sobre os centros universitários de que trata o art. 11 do Decreto nº 3.860, de 9 de julho de 2001, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2003. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/decreto/2003/D4914.htm#:~:text=Admitir%2Dse%2D%C3%A1%20a%20cria%C3%A7%C3%A3o,vagas%20definidos%20por%20aquele%20Minist%C3%A9rio. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Decreto nº 5.622, de 19 de dezembro de 2005. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 2005a. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2004-2006/2005/decreto/d5622.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 11.096, de 13 de janeiro de 2005. Institui o Programa Universidade para Todos – PROUNI, regula a atuação de entidades beneficentes de assistência social no ensino superior; altera a Lei nº 10.891, de 9 de julho de 2004, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2005b. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2005/Lei/L11096.htm#:~:text=Institui%20o%20Programa%20Universidade%20para,2004%2C%20e%20d%C3%A1%20outras%20provid%C3%AAncias. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 12.202, de 14 de janeiro de 2010. Altera a Lei nº 10.260, de 12 de julho de 2001, que dispõe sobre o Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior – FIES (permite abatimento de saldo devedor do FIES aos profissionais do magistério público e médicos dos programas de saúde da família; utilização de débitos com o INSS como crédito do FIES pelas instituições de ensino; e dá outras providências). Diário Oficial da União, Brasília, 2010. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2007-2010/2010/lei/l12202.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Lei nº 13.005, de 25 de junho de 2014. Aprova o Plano Nacional de Educação – PNE e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2014. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2014/lei/l13005.htm#:~:text=Aprova%20o%20Plano%20Nacional%20de,Art. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Emenda Constitucional nº 95, de 15 de dezembro de 2016. Altera o Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, para instituir o Novo Regime Fiscal, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, 2016. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/emendas/emc/emc95.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Decreto nº 9.057, de 25 de maio de 2017. Regulamenta o art. 80 da Lei nº 9.394, de 20 de dezembro de 1996, que estabelece as diretrizes e bases da educação nacional. Diário Oficial da União, Brasília, 2017. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2017/Decreto/D9057.htm. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Evolução do Ensino Superior: Graduação 1980 – 1998: Brasília: Inep, 2020a. Disponível em: https://download.inep.gov.br/download/censo/1998/superior/evolucao_1980-1998.pdf. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira. Microdados Censo da Educação Superior: 1980; 1985; 1990; 1995; 2000-2005; 2009; 2010-2019. Brasília: Inep, 2020b. Disponível em: https://www.gov.br/inep/pt-br/acesso-a-informacao/dados-abertos/microdados/censo-da-educacao-superior. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Ministério da Educação. Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior. Simule seu financiamento – Enfermagem. Brasília, DF: MEC, 2021. Disponível em: http://sisfiesportal.mec.gov.br/?pagina=simulacao&no_curso=ENFERMAGEM&semestres=10. Acesso em: 7 fev. 2021.

BRASIL. Receita Federal. Ministério da Economia. Centro de Estudos Tributários e Aduaneiros. Gastos Tributários – Bases Efetivas: 2006-2019. Brasília, DF: RF, ME, Cetad, 2006-2020. Disponível em: https://receita.economia.gov.br/dados/receitadata/renuncia-fiscal/demonstrativos-dos-gastos-tributarios/dgt-bases-efetivas. Acesso em: 7 fev. 2021.

CÂMARA DOS DEPUTADOS. Orçamento da União. Execução Orçamentária (2003-2019). Brasília, DF: Câmara dos Deputados, 2021. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/ig-orcamento/. Acesso em: 7 fev. 2021.

CHAVES, Vera Lúcia Jacob. Expansão da privatização/mercantilização do Ensino Superior brasileiro: a formação dos oligopólios. Educação & Sociedade, Campinas, v. 31, n. 111, p. 481-500, abr./jun. 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/es/v31n111/v31n111a10.pdf. Acesso em: 7 fev. 2021.

CHAVES, Vera Lúcia Jacob; AMARAL, Nelson Cardoso. Política de expansão da Educação Superior no Brasil: o Prouni e o Fies como financiadores do setor privado. Educação em Revista, Belo Horizonte, v. 32, n. 04, p. 49-72, out./dez. 2016. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-46982016000400049&script=sci_abstract&tlng=pt. Acesso em: 7 fev. 2021.

CHAVES, Vera Lúcia Jacob; SANTOS, Maria Rosimary Soares dos; KATO, Fabíola Bouth Grello. Financiamento público para o Ensino Superior privado-mercantil e a financeirização. Jornal de Políticas Educacionais, v. 14, n. 08, jan. 2020. Disponível em: https://revistas.ufpr.br/jpe/article/view/70063. Acesso em: 7 fev. 2021.

GUIMARÃES, Rodrigo Gameiro. As transformações do mercado do Ensino Superior e o endividamento estudantil no Brasil: uma produção do Estado neoliberal. 2018. Tese (Doutorado em Administração) – Escola de Administração, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2018.

MANCEBO, Deise. Reforma universitária: reflexões sobre a privatização e a mercantilização do conhecimento. Educação & Sociedade, Campinas, v. 25, n. 88, p. 845-866, out. 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/es/v25n88/a10v2588.pdf. Acesso em: 7 fev. 2021.

PALHARES, Isabela. Com ensino remoto e crise, faculdades particulares demitem professores. Folha de S. Paulo, São Paulo, 7 jul. 2020. Disponível em: https://www1.folha.uol.com.br/educacao/2020/07/com-ensino-remoto-e-crise-faculdades-particulares-demitem-professores.shtml. Acesso em: 7 fev. 2021.

PRAVALER. Sobre o Pravaler. Pinheiros: Pravaler, 2021. Disponível em: https://www.pravaler.com.br/sobre-o-pravaler/. Acesso em: 7 fev. 2021.

REIS, Tayanne de Fátima Almeida Tabosa dos Reis. Financiamento estudantil nas instituições privado-mercantis de Ensino Superior no Brasil: o caso da Kroton Educacional. 2019. Dissertação (Mestrado em Educação) – Instituto de Ciências da Educação, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019.

SANTOS FILHO, João Ribeiro dos. Financiamento da Educação Superior privado-mercantil: incentivos públicos e financeirização de grupos educacionais. 2016. Tese (Doutorado em Educação) – Instituto de Ciências da Educação, Universidade Federal do Pará, Belém, 2016.

SOUSA, Leila Maria Costa. Financeirização da Educação Superior privado-mercantil: implicações sobre o financiamento estudantil da Estácio Participações S.A. 2019. Dissertação (Mestrado em Educação) – Instituto de Ciências da Educação, Universidade Federal do Pará, Belém, 2019.

WYDEN EDUCACIONAL. Faculdade Área 1. Comissão Própria de Avaliação. Relatório de Autoavaliação Institucional. Salvador: Wyden, 2010. Disponível em: https://www.wyden.com.br/area1/cpa. Acesso em: 7 fev. 2021.

WYDEN EDUCACIONAL. Educação de Qualidade Internacional. Benefícios internacionais. Salvador: Wyden, 2021a. Disponível em: https://www.wyden.com.br/area1/beneficios-internacionais. Acesso em: 7 fev. 2021.

WYDEN EDUCACIONAL. Educação de Qualidade Internacional. Faculdade Faci. Pravaler: financie com juros zero. Belém: Wyden, 2021b. Disponível em: https://www.wyden.com.br/faci/financiamento/pravaler/pravaler-em-belem. Acesso em: 7 fev. 2021.

Downloads

Publicado

2021-10-14

Edição

Seção

Seção Temática - Os Recursos Públicos em Disputa: reflexões sobre a privatização da educação em distintos contextos