A Governamentalidade e a História da Escola moderna: Outras conexões investigativas

Autores

  • Jorge Ramos do Ó Universidade de Lisboa

Palavras-chave:

Governamentalidade. História da Educação. Escola Moderna. Governo de si mesmo

Resumo

A partir do conceito foucaultiano de governamentalidade, faz-se a defesa de um quadro analítico e de uma heurística que nos permitam devolver a ocultada evidência de que o projecto de uma escola para todos corresponde ao aprofundamento histórico do esforço do Estado-nação para a expansão ilimitada dos instrumentos e dos mecanismos de controle social. Nesses termos, tanto o figurino institucional quanto as categorias identitárias que a instituição escolar pôs a circular, desde finais do século XIX, são produtos e instrumentos de um estilo liberal de governo das populações que não tem cessado de fundir a dimensão política com a ética. Uma analítica desses regimes de governamentalidades múltiplas levar-nos-á a formular novas perguntas e a ousar outras narrativas historiográficas em torno da instituição escolar e dos seus habitantes.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Arquivos adicionais

Publicado

2009-07-23

Como Citar

do Ó, J. R. (2009). A Governamentalidade e a História da Escola moderna: Outras conexões investigativas. Educação &Amp; Realidade, 34(2). Recuperado de https://seer.ufrgs.br/index.php/educacaoerealidade/article/view/8434

Edição

Seção

Governamentalidade e Educação