A Prática Espinosana de uma Educação Menor

Fernando Bonadia de Oliveira

Resumo


O conceito de educação menor, proposto por Sílvio Gallo em trabalho publicado na Revista Educação & Realidade no ano de 2002, parte de um deslocamento do conceito de literatura menor, criado por Gilles Deleuze e Félix Guattari. O objetivo deste artigo é identificar Bento de Espinosa (1632-1677), no contexto do século XVII, à prática de certa espécie de educação menor. Tal identificação será construída por meio de um exame de alguns aspectos da biografia do filósofo e de elementos colhidos de sua obra. Demonstra-se que Espinosa, em sua atividade como professor, manteve uma forma de educar não institucionalizada, desterritorializada e rizomática, assim como define o conceito de educação menor.

Palavras-chave


ento de Espinosa; Educação Menor; Desterritorialização; Rizoma.



Direitos autorais 2019 Educação & Realidade

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo