Currículo e Ensino de História: um estado do conhecimento no Brasil

Francisco Thiago Silva, Lívia Freitas Fonseca Borges

Resumo


O presente artigo tem como pressuposto: a busca por uma formação crítica nos cursos de Pedagogia do Brasil pode materializar um conhecimento poderoso (Young, 2007) se o currículo prescrito (Sacristán, 2000) contemplar o ensino de História com a mesma densidade atribuída às outras disciplinas. Optou-se pela metodologia de análise documental para constituir o estado do conhecimento, tomando a avaliação de textos publicados pela Associação Nacional de Pesquisadores em Educação, no Encontro Nacional de Didática e Práticas de Ensino e a exploração de textos cadastrados na Rede SciELO. As categorias escolhidas: pedagogia, currículo, integração/interdisciplinaridade e ensino de História dialogam com a questão central e com a suposição de pesquisa.

Palavras-chave


Currículo; Ensino de História; Brasil

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais 2018 Educação & Realidade

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo