E-ducando o Olhar: a necessidade de uma pedagogia pobre

Jan Masschelein

Resumo


O artigo defende uma pedagogia pobre como possibilidade de educação do olhar. A partir de duas observações, uma de Walter Benjamim e outra de Michel Foucault, o autor discorre sobre o caminhar, como um novo olhar, e sobre a crítica como ato de atenção, respectivamente. Trata-se a pesquisa crítica educacional não como insight e como conhecimento, mas como possibilidade de abertura para um espaço existencial, um espaço concreto de liberdade prática. É, portanto, de uma pedagogia pobre que a pesquisa educacional crítica precisa.

Palavras-chave


Educação do olhar. Pedagogia. Pesquisa. Crítica.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo