Barulho de Escola entre Grades e Muros: o que é livre na escola?

Nivea Andrade, Alessandra Nunes Caldas

Resumo


Analisando a experiência de um laboratório de imagens e sons, desenvolvido em uma escola pública da Zona Norte do Rio de Janeiro, este texto apresenta reflexões sobre os processos de significação da liberdade na escola. Durante a realização do projeto, os estudantes foram convidados a produzirem imagens e sons sobre o tema ser livre na escola. Este material produzido traz elementos relevantes para uma análise da contribuição juvenil para significações que escapam de uma visão da escola composta simplesmente por alunos e mestres explicadores, termo usado por Jacques Rancière para analisar o papel do professor. A partir destas imagens estudantis, o texto propõe compreensões da escola como espaçotempos de conversações.


Palavras-chave


Escola. Imagem. Som. Liberdade. Cotidiano.



Direitos autorais 2017 Educação & Realidade

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo