Políticas Públicas de Inclusão: o acesso da pessoa surda ao ensino superior

Leila Santos Mesquita

Resumo


Este trabalho discute o acesso da pessoa surda ao ensino superior considerando os limites e avanços das políticas públicas educacionais de inclusão. Por meio de questionários com pessoas surdas concluintes do ensino médio de uma escola da rede pública de Pernambuco, destaca-se, como barreiras de acesso ao ensino superior, a falta de reconhecimento da língua de sinais como primeira língua e a dificuldade de apropriação da língua portuguesa por parte das pessoas surdas. Conclui-se, portanto, que a educação bilíngue é uma possibilidade de avanço desse quadro.


Palavras-chave


Políticas de Inclusão. Educação de Surdos. Ensino Superior.

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais 2017

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo