Linguagem Oral e Brincadeira Letrada nas Creches

Gisela Wajskop

Resumo


Este artigo visa contribuir para a reflexão sobre as relações entre a brincadeira de
faz-de-conta e a aprendizagem da linguagem oral em contextos narrativos significativos em creches. Pretende apresentar, por meio de exemplos e resultados de pesquisa-ação em curso, como uma narrativa emergente pode ser construída pelas crianças, coletivamente, em suas brincadeiras a partir da leitura em voz alta de livros literários pelos professores. Os resultados revelam a integração entre brincar e aprender, dois lados da mesma moeda quando mediados pela literatura infantil que fornece repertório linguístico e semântico significativo às produções expressivas e comunicativas das crianças.


Palavras-chave


Aprendizagem pela Brincadeira. Brincar e Letramento. Brincar em Linguagem Oral. Livros Infantis. Creches.

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais 2017 Educação & Realidade

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo