Foucault e a Pesquisa Educacional Brasileira, Depois de Duas Décadas e Meia

Julio Groppa Aquino

Resumo


O presente artigo devota-se a oferecer um panorama extensivo da recepção das ideias de Michel Foucault na pesquisa educacional brasileira, por meio dos resultados de uma investigação sobre a produção acadêmica de matriz foucaultiana em 52 periódicos educacionais, entre 1990 a 2014. Consoante a uma estratégia de endereçamento à massa documental que fosse capaz de abdicar do ajuizamento dos usos das ideias do pensador, 401 artigos que sugeriam uma apropriação da teorização foucaultiana como modo de trabalho foram selecionados e, então, analisados em conjunto. Ao final do texto, são formulados alguns apontamentos acerca dos limites atuais e das possibilidades futuras dos estudos foucaultianos
na educação brasileira.


Palavras-chave


Michel Foucault. Pesquisa Educacional. Literatura Educacional. Estudos Foucaultianos.

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais 2017

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo