Subjetividade e Enunciação

Margareth Schãffer

Resumo


Este artigo discute algumas concepções acerca do sujeito e da subjetividade, interrogando o lugar que estes ocupam em alguns discursos contemporâneos. As questões suscitadas por esta discussão dizem respeito, em primeiro lugar, à maneira como a situação de enunciação é colocada como uma das alternativas de ultrapassamento dos modelos de subjetividade calcados em processos reflexivos; em segundo lugar, a modos de produção de subjetividade, procurando apresentar outras possibilidades de leitura desta questão. Discutem-se, ainda, alguns processos de subjetivação do sujeito na educação, procurando transcender, principalmente, o discurso "patologizante". Por fim, demarcamos a necessária ambivalência e duplicidade que circunscrevem as possibilidades de se falar em sujeito e em processos de subjetivação na contemporaneidade.


Palavras-chave


sujeito, subjetividade, enunciação, ambivalência.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo