Curriculum.com: a extrema-unção (neoliberal) à escolarização pública

João M. Paraskeva

Resumo


O compasso das políticas educativas e curriculares contemporâneas tem sido profundamente determinado (muito embora não sem resistências) pelo ritmo imposto pelas doutrinas neoliberal e neoconservadora que, entre outras coisas, não só têm contribuído para a trivialização da necessidade de se compreender e, por isso mesmo, defender a educação como um bem público, como também, por conseqüência, têm vindo, de uma forma muito hábil, a colocar em causa a própria noção de escolarização. O trabalho a seguir expõe algumas das mais recentes, preponderantes (e perigosas) propostas educativas e curriculares do projeto neoliberal, com destaque especial para o homeschooling, tentando analisar alguns perigos que advêm da implementação de tais propostas.

Palavras-chave


Restauração Conservadora. Estado. Mercado. Descolarização. Desigualdade.

Texto completo:

PDF


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo