Qualidade na Educação Básica: ações e estratégias dinamizadoras

Elton Luiz Nardi, Marilda Pasqual Schneider, Mônica Piccione Gomes Rios

Resumo


O artigo tem por objetivo analisar ações e estratégias recorrentes,
dinamizadas por escolas públicas de ensino fundamental com o propósito
declarado de melhorar a qualidade da educação básica. Partindo dos resultados
registrados por essas escolas em tradutores oficiais de qualidade,
realça traços comuns entre medidas operadas a partir da publicação
do Ideb de 2009, resultados escolares alcançados e variações nos índices
e indicadores oficiais do período, sinalizando questões derivadas das tendências
identificadas. Conclui demonstrando não haver correspondência
uniforme entre ações dinamizadas e alcance de melhores índices oficiais,
o que confirma a necessidade de um olhar atento ao que as escolas elegem
como ações propulsoras de qualidade.


Palavras-chave


Qualidade da Educação Básica. Ações e Estratégias. Índices e Indicadores Oficiais.

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo