Ações de Formação em EJA nas Prisões: o que pensam os professores do sistema prisional do Ceará?

Wagner Bandeira Andriola

Resumo


O texto relata as principais ações de Educação de Jovens e Adultos (EJA) que são desenvolvidas com profissionais do Sistema Prisional do Ceará. Atualmente, no Brasil são desenvolvidas tão somente duas ações de formação de professores do Sistema Prisional, no nível de especialização, uma delas executada no Ceará. Cabe destacar outras ações desenvolvidas no Ceará: formação de 220 agentes prisionais;análise de dados secundários da PNAD/2007 – Suplemento de EJA; financiamento de projetos de pesquisa pelo CNPq; formação de novos pesquisadores no nível de mestrado; articulação da Universidade Federal do Ceará (UFC) com o Ministério da Educação, com a Escola de Gestão Penitenciária e Ressocialização e com a Secretaria de Justiça e Cidadania.


Palavras-chave


Educação de Jovens e Adultos (EJA). Educação Prisional. Formação de Professores.

Texto completo:

Acesso ao artigo


Direitos autorais

Educação & Realidade - ISSN 0100-3143 (impresso) e 2175-6236 (online)

 

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Apoio e Indexação:

LATINDEX

 

Crossref Similarity Check logo